Olá pessoal, como estão? Eu estou derretendo, cansei desse calor. Mas tirando as condições climáticas horrorosas, eu estou bem. Hoje eu estou para indicar uma série novata da Fall-Season que eu comecei assistir. Forever – Uma Vida Eterna (Forever, 2014) é uma série de drama exibida toda terça-feira na ABC (nos Estados Unidos) e na Warner Channel.

forever 1_

O Doutor Henry Morgan (Ioan Gruffudd) é um médico legista que trabalha para a polícia de Nova York e que estuda a morte através dos diversos e curiosos casos que aparecem em seu laboratório. Um dos grandes segredos que Henry esconde de todos é a sua imortalidade. A primeira morte dele foi à cerca de 200 anos, quando atuava como médico na época do comércio de escravos africanos. Toda vez que morre, Morgan desaparece quase que imediatamente e volta à vida completamente nu dentro de um lago ou rio mais próximo. Tendo vivido tanto tempo ele adquiriu um amplo conhecimento e habilidades de observação que impressionam a todos, inclusive sua nova “parceira” e Detetive Jo Martinez (Alana de La Garza).

forever 2_

Através de flashbacks a vida passada de Henry em apresentada, como o período em que foi casado com Abigail (MacKenzie Mauzy), as guerras, quando foi dissecado e enforcado por heresia e quando sua imortalidade acabou sendo exposta, o obrigando a fugir para outro lugar no mundo. Apenas Abe (Judd Hirsch) – que Morgan e Abigail encontraram em um campo de concentração da Segunda Guerra Mundial quando era um recém nascido e o adotaram – sabe do seu segredo. Além dos crimes que tenta resolver, o médico ainda tem que lidar com a ameaça de “Adão”, um homem que diz saber de sua imortalidade e alega ter a mesma “maldição”, tendo vivido por mais de 2000 anos.

forever 3_

Com apenas quatro episódio exibidos até o momento, Forever já entrou na minha lista de séries queridinhas. A alma de Sherlock Holmes do Doutor Morgan realmente me cativou. Adoro quando ele fala das causas da morte antes mesmo de abrir o corpo e fazer a autópsia. O estilo policial e procedural da série não é nenhuma novidade, até porque o que mais tem hoje em dia na TV é série assim, como Castle, Elementary e The Mentalist, citando só algumas. Mas acho que o fato dele ser imortal dá para explorar bastante o passado dele e com certeza dá para ter bastante futuro para o personagem, mesmo que ele esteja procurando formas de acabar com a “maldição”.

Outra coisa bem legal é a química entre os personagens. No primeiro episódio a relação de Morgan com a Detetive Jo ainda era meio estranha, mas nos seguintes deu uma melhorada ótima para a série. Mas a melhor relação é entre ele e Abe. Impossível não adorar o querido dono do antiquário, que é o filho dele, mas age e tem o papel de pai, sempre dando conselhos e o ajudando a tomar as melhores decisões.

Alguém já assistiu Forever? O que achou?

Espero que gostem da indicação, semana que vem tem mais!

Beijos