Invasão Britânica – Parte 1

Olá gente linda, como vocês estão? Olha, minha semana tem sido maravilhosa, não tenho do que reclamar, depois de um domingo de cão, a segunda-feira começou já surpreendendo. Enfim, não vim aqui pra falar da minha semana pra vocês, mas quis compartilhar porque eu to bem feliz com tudo que aconteceu, na verdade eu nem to acreditando.

Essa semana e na próxima eu vou falar de duas séries pra vocês. O que? Eu ouvi cantos de aleluia ao fundo? Pois é, demorou mais chegou esse dia. Todas comemoram. Ou não. Confesso que estava louca para escrever sobre séries. Mas eu precisava da época certa e de terminar uma delas. Como o nome do post já diz, as duas séries são britânicas. A dessa semana é uma paixão antiga e a de semana que vem se tornou um amor MESMO há uns dois meses. Então vamos lá.

Skins (2007 – 2013)

Skins Group Shot

Aqui no Brasil algumas pessoas podem conhecer a série como Juventude à Flor da Pele, mas eu me recuso a chamar assim, apenas porque acho ridículo demais. Skins é uma série que conta a história de um grupo de adolescentes de Bristol (Sudeste da Inglaterra) nos dois últimos anos do ensino médio. Pra algumas pessoas essa fase da vida não é das melhores e para esses adolescentes também não. As histórias de todos eles passam por várias questões polêmicas como abuso de drogas, sexualidade, transtornos alimentares e mentais, problemas familiares e morte.

Quando falam que a série é sobre um grupo de adolescentes todo mundo já pensa que a série é uma Malhação que se passa fora do Brasil. Por favor, não pensem isso de Skins. As vidas dos tais adolescentes é tão intensa que você se envolve na história, e eu diria também que tudo que acontece é bem mais extremo e pesado do que acontece na novela da Globo.

Skins é um drama adolescente que não se preocupa em ter um final feliz, acho que posso contar nos dedos às vezes que isso aconteceu. Já vi muita gente falar que a série é só sobre sexo e drogas. Sim, isso acontece e muito, mas se você tirar todas essas cenas em que esses dois elementos aparecem você vai conseguir enxergar a profundidade da história de cada personagem. Li em uma matéria sobre a série uma coisa que define bem, Skins é uma série que ensina como é ser adolescente. É aquela montanha-russa emocional que todo jovem passa.

Atualmente são seis temporadas finalizadas. Mas você consegue assistir em um dia se quiser, porque cada temporada tem cerca de oito episódios, um para cada personagem. Personagens, aliás, que são trocados a cada dois anos. Sim, trocados. A cada duas temporadas nós somos apresentados a uma nova geração. Segundo os produtores, é o necessário para conhecê-los e acompanhar a adolescências deles. Particularmente, a primeira e a segunda gerações são as melhores pra mim. Tanto no quesito elenco como na história. A terceira geração, ou seja, a 5ª e a 6ª temporadas são muito boas também, apenas não consegui me conectar aos personagens, como fiz nas gerações anteriores. Aliás, o vídeo ali em cima é com as personagens da 1ª geração da série. O próximo vídeo é o trailer da terceira temporada.

Olha, se você tá cansado dessas séries teens que mostram sempre a mesma coisa, aquela melodrama com final fofinho, você definitivamente tem que assistir Skins. Segunda-feira (01/07) estreia a sétima e última temporada. Para esse final a série trouxe três personagens da primeira e da segunda gerações, Cook (Jack O’Connell) da 2ª geração; Cassie (Hannah Murray)  da 1ª geração; e Effy (Kaya Scodelario)  da 1ª e da 2ª geração . Vão ser seis episódios especiais, dois para cada um.

Semana que vem tem mais. Eu volto com a “Invasão Britânica – Parte 2”, onde nós vamos viajar no tempo e no espaço dentro de uma caixa de madeira azul. Espero que todos estejam preparados e tragam roupas para todas as ocasiões, não sei bem onde iremos parar.

Beijos.

Pop Art na moda!

tumblr_milo2uxxeC1ripwm6o1_500_large

Dos anos 50 para os dias atuais, a Pop Art tem invadido os looks femininos. Quem lembra das aulas de história de arte, sabe muito bem do que estou falando. O Pop Art foi um movimento artístico que surgiu no final da década de 50 na Inglaterra que mostrava a cultura popular capitalista por meio de imagens coloridas. É uma arte bem diversificada e moderna, que usa muitas cores e colagens e inclusive alguns relembram histórias em quadrinho.

POPART

A partir disso aí, começaram a surgir nos sites de estilo, várias camisetas com estampas escritas POW, OMG, WHOP!, KA-POW que aparecem muito em desenhos animados e histórias em quadrinhos. A moda pegou tão rápido que você pode usar para looks mais simples como também para looks de trabalho adicionando um blazer básico na hora da composição!

Artpoplook2 Artpoplook

Amava quando tinha aulas sobre história do Pop Art, adoro as cores e como as imagens parecem ser mais expressivas do que parecem, não é? Tanto é que estou louca por essas camisetas com estampas. E vocês, gostam ou não?

Beijokas!!