Eu não sei vocês, mas tem dias que eu gosto de procurar filmes antigos que eu ainda não assisti para ver, joguei no google mesmo nome de filmes com histórias marcantes e encontrei Oranges and Sunshine (2010), fui ler a sinopse e achei interessante!

oranges-and-sunshine

O longa conta a história de Margaret Humphreys (Emily Watson) uma assistente social dedicada funcionária do governo em Nottingham, é procurada por uma moça australiana que alega ter nascido na Inglaterra e sido ilegalmente transportada de navio, junto com outras centenas de crianças desacompanhadas para a Austrália. Disposta a investigar o caso, Margaret acaba descobrindo um terrível esquema de tráfico “consentido” praticado no passado por autoridades de seu país, quando crianças órfãs, pobre e geralmente filhos de prostitutas e mendigos eram deportadas para os países colônias do Reino Unido, onde estavam predestinadas a conviver com rotinas de abusos físicos e psicológicos.

filmeorangeandsunsh

Quando o escândalo vem à tona, um grupo de adultos que fazia parte das crianças traficadas formam uma organização para apoiar e financiar a busca por suas famílias perdidas. A exposição do escândalo e a pressão da opinião pública sobre os governos da Inglaterra e Austrália começam a incomodar e colocam a vida de Margaret em risco, já que ambos começam a desacreditar em seu trabalho.

Confira o trailer:

O filme apresenta histórias emocionantes de luta e coragem, além de belas atuações e comoventes relatos dos maus-tratos sofridos pelas crianças, é um drama cativante sobre um tema polêmico e pouco conhecido do grande público. Destaque para atuação do ator Hugo Weaving, na cena em que pede ajuda a Margaret para reencontrar a mãe que nunca conheceu e descobre que ela faleceu um ano antes. Impossível não se emocionar (caiu algumas lágrimas aqui, snif)

A boa notícia é o que filme está no Netflix! 😀

Já assistiram?

Depois de acompanhar vários filmes bons que rolou na Maratona Oscar, nada melhor que voltarmos a nossa sessão básica de toda semana Para Assistir e hoje trago um filme excelente com duas protagonistas pra lá de famosas. Jennifer Lopez foi dar uma pausa na música e no rebolado e voltou para atuação e junto com ela Viola Davis. Ambas atuam muito bem no glorioso Lila & Eve.

filmeLilaeEve

Ambas vivem a mesma situação e se conhecem em um grupo de apoio a mães que tiveram seus filhos assassinados. Lila (Viola Davis) é mãe de Stephon, um adolescente assassinado brutalmente sem motivos aparentes enquanto voltava para casa. Eve (Jennifer Lopez) é mãe de uma pequena garotinha que também foi assassinada. Além de carregar o luto incondicional, as duas lutam por algo em comum: querem justiça pela morte de seus filhos.

Lila segue insatisfeita com os resultados dos trabalhos da polícia, Eve a aconselha a procurar justiça com as próprias mãos. Conseguimos sentir na pele de Lila & Eve como é perder um filho e não encontrar respostas de seus assassinatos. A história é repleta de flashbacks, e aos poucos conseguimos entender como é fácil perder o juízo quando perdemos um ente querido.

Lila-and-Eve

O suspense é bom, mas já dá pra se ter uma ideia na metade do filme e perceber qual será o desfecho. O filme me agradou bastante, as atuações e a fotografia do filme estão bem bonitas e o filme está no Netflix!

Confira o trailer:

Vocês já assistiram?

Olha quem resolveu permanecer no conteúdo do blog? Pois é, a Sessão Pipoca que vocês tanto gostam. Na última semana compartilhei aqui que gostaria de acabar com ela e dar foco para os vídeos no canal do youtube, acontece que muitas leitoras pediram para não tirar e como o conteúdo é feito com muito amor e exclusivo pra vocês decidi permanecer com dicas de filmes e séries. Portanto, vou intercalar os assuntos vídeos/séries e filmes como me pediram assim deixo todo mundo feliz, né?

parasedivfilme

O filme de hoje eu assisti faz tempo no Netflix e me diverti horrores, nada melhor do que compartilhar com vocês também. Para se divertir ligue conta a história de Lauren (Lauren Miller) e Katie (Ari Graynor), jovens adultas que não se bicam desde a faculdade, mas atendendo aos insistentes apelos do amigo em comum Jesse (Justin Long) ambas são obrigadas a dividir o mesmo teto para quitar as dívidas. 

Lauren é filha de pais ricos e tradicionais, mas recentemente recebeu um pé na bunda do ex-namorado careta. Katie é obscena herdeira do apartamento da falecida avó, que divide o tempo entre vários empregos, sendo um deles uma atendente de disque-sexo, mantido em segredo. Certo dia, acreditando que a amiga estava transando com alguém, Lauren se surpreende com Katie gemendo no telefone para alguém, após o choque inicial Lauren decide ajudar a amiga a montar a própria empresa de disque-sexo.

parasedivertirligue

Em um mês, o negócio expande e as amigas conseguem pagar as contas, renovar o visual do apartamento e estabelecer uma relação de companheirismo e cumplicidade coisa que não existia há alguns tempos atrás. Até que um dia, Lauren recebe a visita de seus pais no apartamento e eles descobrem a nova profissão da filha, além disso o ex-namorado retorna da Itália com desejo de reatar o namoro e o emprego que ela tanto sonhava resolve abrir vagas!

Confira o trailer:

É uma comédia que me arrancou boas risadas é super clichê como vários outros filmes americanos. As atrizes possuem uma ótima conexão e isso faz com que o filme fique ainda melhor! 😉

Recadinho: Tô indo viajar amanhã e volto na próxima semana. Na terça-feira voltamos com a programação normal, tá? Me acompanhem no Snapchat e Instagram @Diadebrilho

Vocês já assistiram?

Para assistir: Sense8

Olá pessoal, como estão? Eu estou confusa com o clima dessa cidade, eu sei que já devia estar acostumada a isso, mas mesmo assim, todo ano a mesma coisa. Enfim, vamos ao que interessa. Para hoje eu trouxe a nova série do Netflix que estreou em forma de streaming no último dia 5 de junho. Sense8 é uma ficção científica dramática criada pelos irmãos Andy Wachowski e Lana Wachowski, os mesmos de Matrix, em conjunto com J. Michael Straczynski.

sense8_

Sense8 conta a história de oito indivíduos de oito lugares diferentes do mundo, que não se conhecem e não fazem ideia da existência uns dos outros, eles são: Will (Brian J. Smith), um policial de Chicago; Riley (Tuppence Middleton), uma DJ islandesa que mora em Londres; Capheus (Aml Ameen), motorista de ônibus de Nairóbi; Sun (Doona Bae), filha de um grande empresário de Seul; Lito (Miguel Ángel Silvestre) um ator de novelas mexicanas e homossexual não assumido; Kala (Tina Desai), cientista indiana com casamento arranjado com um homem que não ama; Wolfgang (Max Riemelt) um arrombador de cofres envolvido com o crime organizado de Berlim; e Nomi (Jamie Clayton) uma ativista transexual que mora em São Francisco.

sense8 2_

Em um certo dia, todos ao mesmo tempo têm uma visão do suicídio de uma mulher chamada Angelica (Daryl Hannah), e então eles começam a ter novas sensações e descobrem que estão mentalmente e emocionalmente ligados uns aos outros. Com o tempo eles percebem que são capazes de se comunicar, sentir e receber as habilidades alheias. Eles então passam a ser chamados de Sensates. Enquanto tentam descobrir mais sobre essas conexões, o misterioso Jonas (Naveen Andrews) tenta ajudar os oito a lidar com o novo dom, enquanto os chamados Whispers tentam caça-los, usando o “poder sensate” para ganhar acesso aos pensamentos e assim encontrar todos para poder dar fim a essa evolução biológica.

Sense8 foi uma grande surpresa pra mim. Eu não esperava muito da série porque quando assisti ao trailer não curti muito, mas a Wanessa deu aquela insistida e eu resolvi dar uma chance e olha, já virou um vício. O primeiro episódio é um pouco confuso, já que há muito o que explicar, mas no segundo episódio você já se importa demais com o os 8 sensates e quer saber até onde vai a conexão deles. E é bem legal ver o tanto que eles compartilham. Em uma cena nós vemos que Sun está claramente naqueles dias graças ao seu compartilhamento com Lito, que sente todos os sintomas, como a sensação de inchaço e as crises emocionais advindas da TPM.

sense8 3_

E o que dizer da fotografia maravilhosa da série? Sense8 foi gravado em 9 países diferentes e cada um recebeu um tratamento para mostrar bem o clima do local. Os meus favoritos são Mumbai, na Índia e Berlim, Alemanha. E são favoritos por serem tão diferentes. Mumbai com todas as suas cores, dando o tom de Kala e Berlim sendo mais cinza e dando um ar mais sombrio para Wolfgang. E nem vou falar nas minhas conexões favoritas, senão vou acabar dando spoilers demais, mas Sun e Capheus arrasam, apenas isso. Mas tentando ser imparcial quanto a isso, todos os atores tem uma química ótima e você torce para que eles se conectem ao mesmo tempo por várias vezes e olha, tem algumas conexões que parecem improváveis, você chega a pensar que não tem nada a ver e que não faria o menor sentido, mas quando acontece, gente, é lindo demais de assistir.

Os irmãos Wachowskis estão de parabéns pelo roteiro incrível. Eu acho que eles souberam trabalhar todas as temáticas apresentadas e desenvolveram bem todas as histórias. Sense8 ainda não teve a segunda temporada confirmada, mas eu já estou aqui torcendo muito para isso acontecer. Eu já gosto demais dos Sensates, não vou saber lidar se não tiver uma continuação. Muitas perguntas ainda precisam ser respondidas.

Alguém já conferiu Sense8 na Netflix? Fez uma maratona saudável? O que achou?

Semana que vem tem mais!

Beijos.

Para assistir: Demolidor

Olá pessoal, como estão? Eu estou tão cansada que acho que nunca fiquei tão feliz com um 21 de Abril como eu estou nesse momento. Graças a Deus semana que vem tem feriado, porque olha, não tá fácil. Mas enfim, vamos ao que interessa. Hoje eu estou aqui para indicar a nova série da Netflix em parceria com a Marvel que foi e está sendo assunto há bastante tempo. Demolidor (Daredevil, 2015) estreou em forma de streaming* na sexta-feira passada e está todo mundo frenético (me inclua aqui! #NoShame) e fazendo maratonas para fugir de spoilers e conferir o mais rápido possível o resultado da parceria.

demolidor 1_

Aos nove anos de idade o jovem Matt Murdock (Charlie Cox) ficou cego por conta de um acidente envolvendo um caminhão que carregava lixo tóxico, fazendo com que seus sentidos se desenvolvesse de uma forma assustadora. Recém formado em Direito, Murdock volta o seu bairro na cidade, a perigosa Hell’s Kitchen. Ele junto com o seu amigo Foggy Nelson (Elden Henson), abrem um escritório de advocacia onde lutam por justiça. Quando percebe que a Cozinha do Inferno não é mais a mesma, Matt decide tentar mudar as coisas com as próprias mãos se transformando no vigilante mascarado do lugar. Porém a presença do novo justiceiro começa a atrapalhar os planos de Wilson Fisk (Vincent D’Onofrio), o chefe de uma grande máfia em Hell’s Kitchen.

Na minha opinião Demolidor já chegou chutando bundas e mostrando a que veio. E fez isso muito bem, aliás. Todo mundo conhece os filmes da Marvel e as séries da TV, mas Daredevil trás um clima diferente. A série é bem mais obscura e definitivamente mais violenta do que já foi lançado pela Casa de Ideias. As cenas de lutas são bem pesadas e muito bem feitas. Quando a cena do corredor no segundo episódio acabou eu estava cansada e destruída junto com Murdock. Eu quis pausar o episódio e aplaudir, porque Jesus, que cena!

demolidor 2_

O personagem de Matt Murdock é construído aos poucos, mas sem se tornar algo chato e didático. O telespectador cresce junto com ele. Os flashbacks do garoto com o pai, as conversas com o padre na igreja, os conselhos que ele recebe de algumas pessoas que passam por sua vida. Tudo é importante para a trajetória do vigilante de Hell’s Kitchen. A série apresenta um herói humano, que não precisa de super poderes ou armaduras para se defender. Matt Murdock é um cara de que bate e apanha. E como apanha! Confesso que tinha momentos que eu só pensava “Meu filho, você tá todo costurado! Saí desse telhado!”. Charlie Cox mostrou para todos que não tá fácil mesmo vestir um uniforme comprado na internet e sair na rua querendo defender a cidade. Eu sentia a dor e o cansaço junto com ele.

demolidor 3_

Como não só de heróis vive uma história, Daredevil também tem os seus personagens secundários que são importantes para o desenvolvimento da série. Os amigos de Matt servem como aviso de que durante o dia ele é apenas o advogado que tem uma vida dupla. Impossível não gostar deles. Agora sobre Wilson Fisk, o grande vilão e conhecido como O Rei do Crime nos quadrinhos, eu confesso que de início achava ele bem estúpido e até forçado em suas atitudes, mas quando continuei assistindo foi aí que eu vi como ele assusta. Eu geralmente gosto muito de vilões, tenho essa queda. Aqui não rolou, eu realmente odiei ele. Sério! O cara dá medo! Parabéns a ótima atuação de Vincent D’Onofrio.

Demolidor está disponível na Netflix e conta com 13 episódios de cerca de 50 minutos cada.

*streaming: todos os episódios foram disponibilizados de uma vez só.

Alguém já assistiu Demolidor? Fez maratona igual a doida que está escrevendo? Porque olha, foram 3 dias frenéticos. O que achou?

Semana que vem tem mais!

Beijos