Taking Stock #4

Adivinha que não postava o Taking Stock faz quase 2 meses? Pois é, eu mesma hahaha! Não tive tantas novidades pra fazer e sim muita coisa pra estudar, tempo corrido quando sobra tempo é para blogar, assistir filmes e dormir. Acredite, tô ficando velha e não tô sabendo hahah.

Ouvindo: Banks! Dá o play e escuta essa voz!

Lendo: Livros espíritas

Pinning: Freneticamente looks que eu gostaria de ter no meu armário. Sabe aquele desejo de quero mais? Então, eu quero mais mesmo, hahaha!

b2d020baceb52ba3c7ef994d279c489b

Assistindo: Muitos filmes tanto online como no Netflix para compartilhar na Sessão Pipoca aqui do blog!

Agradecendo: Por tudo o que eu pedi um dia e hoje estou realizando, gratidão!

Necessitando: De um emprego, onde clica pra acontecer?

Planejando: Me tornar uma pessoa melhor. Exercícios de autoconhecimento pra melhorar o meu comportamento tanto em relação à mim quanto aos outros.

Desejando: Comer coisas gostosas (chocolate, pizza, bolo, sorvete..), de uma festa animada, encontrar amigos e descansar.

bolo

Vestindo: Pijamas

Sentindo: Vontade de me aventurar em alguma coisa nova, seja um idioma, pessoas, conhecer um lugar novo. Mudanças sejam bem vindas!

Amando: Me amando cada dia mais, meu corpo, minha mente e alma!

E por aí, como vão as coisas?

Taking Stock #3

Olha o mês chegando ao fim e eu quase esquecendo de postar o 3º Taking Stock do ano. O mês foi corrido e não rolou tantas novidades, mas a gente sempre tira uma lição positiva da vida né? Confere aí:

Ouvindo: Ariana Grande, Nick Jonas, Tom Odell e Broods. Tô viciada nessa do Nick


Lendo: Na verdade relendo um livro que eu amei da Martha Medeiros – Coisas da Vida. Um livro de crônicas pra mudar minha visão sobre certas coisas…

Pinning: Receitas de todos os tipos de pratos, sejam os mais saudáveis como as gordices também, aqui ó.

Assistindo: Tentando gostar de Luther série que desvenda assassinatos do Netflix, não estou conseguindo me apegar a novas séries. O que houve comigo?

maxresdefault

Agradecendo: Por acreditar mais em mim, ter a minha família por perto e os meus amigos queridos.

Necessitando: Aprender um novo idioma, fazer um curso de fotografia, aprender um novo esporte, estudar coisas novas num modo geral!

Planejando: Sem planos…Estou vivendo!

Desejando: Tantas coisas ao mesmo tempo como viajar, aprender coisas novas, conhecer pessoas, ir para praia, rever amigos e por aí vai.

6e7f7f9287ea7dbe1234be25b6426d0d

Vestindo: Calça, blusa de frio e meias

Sentindo: Uma mistura de sentimentos saudades, ansiedade, felicidade…

Amando: A forma que eu estou levando a vida, cuidando do corpo e da alma!

E por aí como vão as coisas?

Taking Stock #2

Fiz meu primeiro Taking Stock #1 no mês passado e prometi que eu continuaria fazendo este post no meses seguintes. É bom que você conhece ainda melhor a blogueira e descobre o que ela anda desejando, amando, ouvindo e muito mais!

Ouvindo: Dua Lipa mais uma cantora britânica das boas pra lista, escuta aê!

Lendo: Nada (vergonha, eu sei!) 🙁

Pinning: Looks minimalistas, amorzinho esse meu board ó.

minimalista

Assistindo: Filmes de ação e drama, tenho fugido dos filmes de romance ultimamente…

Agradecendo: Pela minha vida em todos sentidos

Necessitando: De tranquilidade, pegar sol, beber água de coco, viajar para praia

Planejando: Meu calendário de estudo para provas

look

Desejando: Roupas e Fone de ouvido

Vestindo: short, meias e camiseta

ansiedade

Sentindo: Ansiedade (de querer tudo de uma vez, sabe?) hahaha

Amando: Ser disciplinada comigo mesma em relação as coisas que eu estou querendo para minha vida. 😀

E por aí, como vão as coisas?

Crônica: Viajar!

Viajar é explorar horizontes, abrir seu leque de oportunidades é aprender e conhecer uma cidade, um país, uma nova cultura. Viaje para outro lugar, para uma casa de praia, uma ilha deserta, para as montanhas, para o mato, para a neve, sozinho, acompanhado ou com os amigos. Viaje dentro de um livro, um filme, uma fotografia, uma arte em uma história. Viaje morrendo de medo, abandone tudo, desapega, enlouqueça, deixe tudo para trás.

large

Aproveite, inspire-se, anote tudo o que vier em mente, experimente, conheça, compre e além de tudo sorria para você de você, para os outros e para o mundo. Abasteça seu coração de sonhos, invista neles como se fosse os últimos dias de sua vida, gaste o que for preciso, carregue malas vazias, pesadas ou cheias de bobagens.

Viajar é perigoso, é arriscado, é aventura não importa se faça sol ou chuva. Ás vezes é preciso viajar porque lava a nossa alma por dentro e por fora. Viajar é trazer experiências que jamais imaginamos ter, é aprender, é buscar um novo olhar sob as coisas que existem, é carregar bagagens cheias de histórias pra contar e dividir com as pessoas que você ama. Viajar sem destino é corajoso e fazendo a escolha certa é divertido. Viajar é um dos melhores investimentos que a gente garante na vida, revelamos um pouco de nós e compartilhamos sobre nós.

Resolvi selecionar mais um texto que eu escrevi e gosto muito!! Toda vez que eu leio esta crônica dá uma vontade de viajar de mochilão pelo mundo. Me contem o que sentiram quando leram o texto! 😉

Crônica: Desistindo

Venho algum tempo querendo expor algumas crônicas que andei escrevendo, até porque este é um novo assunto que quero inserir no blog. E depois que falei no Twitter se vocês gostariam dessa ideia, a resposta foi positiva e resolvi compartilhar com vocês. Algumas amigas já leram, gostaram e se identificaram. Espero que vocês gostem também. 😀

large (11)

Lembro que o começo não foi fácil. Deitei na cama, fechei os olhos, joguei os braços para cima da cabeça e pensei. Pensei em quantas perguntas a gente se faz e quantas respostas nós gostaríamos de receber. Confesso que todas as noites pensava em desistir, tentar outro caminho, respirar em outro lugar, viver em outro momento, deixar que as incertezas e as lágrimas invadissem meu coração e tomasse conta de mim. Pensei em nascer de novo, começar tudo outra vez, como os primeiros passos de um bebê. Pensei que desistindo de tudo eu ganharia. Mas não foi assim, nada na vida é fácil e vem fácil. Ás vezes você precisa de um empurrão, de tapas na cara, de palavras verdadeiras, de apoio, de um abraço.

Talvez despertar pela noite não é tão ruim, pois é possível perceber que sua vida é única e que existe diversas maneiras de fazer acontecer, realizar, sonhar, chegar em algum lugar, permitir que os sonhos sejam como balões coloridos e que existem significados e desejos em suas cores. Pode ser que nada aconteça na hora em que você deseja, mas quem sabe uma surpresa surge no meu do caminho e você tropeça e reencontra forças para continuar na estrada e não desistir. Lutar exige sacrifícios, exige coragem, exige muita perseverança, paciência e sabedoria e se você desistir perde os passos que poderia ter dado.

Você já desistiu de algum sonho, pensou novamente e seguiu em frente?