Se eu pudesse adicionar um filme na lista de indicados ao Oscar deste ano, eu teria colocado Animais Noturnos. Assisti ele tem um tempinho e só lembrei agora que eu tinha esquecido completamente de falar pra vocês aqui no blog. É um filme inteligente e muito interessante, envolve mistério, histórias e tem atores de peso no elenco e é basicamente isso que motivou eu assisti-lo. ??

O longa gira em torno de Susan (Amy Adams) uma artista de sucesso, casada, tem uma filha e um dia recebe um livro misterioso escrito pelo ex-marido. A cena de introdução do filme serve visivelmente para chamar atenção, pois mostra mulheres acima do peso nuas e dançando, na verdade são mulheres com muito excesso de pele e peso, usadas na exposição da galeria de Susan, mostrando seu sucesso, algo que não existia quando estava com seu primeiro marido, o escritor Edward (Jake Gyllenhaal).

À medida em que Susan vai lendo o livro, vamos vendo cenas de flashbacks com o casal, mostrando os motivos que levaram a separação e o quanto a protagonista o considerava fraco. No livro, Tony (Jake Gyllenhaal) é um homem que estava viajando à noite com sua mulher e filha, numa estrada deserta e são encurralados por três homens. Todo suspense e angustia que a família vive traz a sensação de desespero e sufoco. O que acontece na estrada marca para sempre a vida de Tony, que depois de muito tempo ainda conta com a ajuda do Xerife local para buscar pelos homens daquela noite.

Aos poucos entendemos como a vida de Susan é vazia. Toda expectativa é construída para uma possível mesclas de histórias paralelas: a do livro e da vida de Susan, mas as histórias não se intercalam como gostaríamos. Outro ponto marcante do filme que é possível perceber, Susan é rodeada por poucas cores, numa estética que dialoga com o vazio de sua vida, sem emoção. As poucas cores que aparecem são escuras e também combinam com sua personagem. Conforme Susan vai lendo a história de Tony, começa a entender que fez escolhas erradas na vida.

Confira o trailer:

Excelente atuação de Amy e Jake, a fotografia do filme é extremamente precisa em suas cores e foco, acho que Tom Ford fez um ótimo trabalho por trás disso. É um filme para quem realmente ama cinema, pois envolve suspense, thriller psicológico criado de uma forma que nos prende do começo ao fim. ??

Já assistiram?

Sessão Pipoca: Inferno

No meu último final de semana, dei uma passadinha no cinema para assistir Inferno, adaptação do livro de Dan Brown. A história lembra bastante O Código da Vinci, no qual o personagem do Tom Hanks se envolve mais uma vez numa trama cheia de mistérios históricos e obras. Não cheguei a ler os livros, mas gosto bastante da proposta da história, é inteligente e interessante. 😉

infernofilme

O longa se passa em Florença, na Itália novamente Robert Langdon (Tom Hanks) o professor de simbologia de Harvard desperta em um hospital, com um ferimento na cabeça provocado por um tiro de raspão. Robert acorda assustado e confuso e lá é tratado por Sienna Brooks (Felicity Jones), uma médica que o conheceu quando ainda era criança. Langdon não consegue se lembrar de nada do que aconteceu nas últimas 48 horas, nem mesmo o porque de estar em Florença. De repente, ele é atacado por uma mulher misteriosa e, com a ajuda de Sienna, escapa do local.

infernofilme-dan-brown

Langdon percebe que em seu paletó está um frasco lacrado, que pode ser aberto apenas com sua impressão digital. Nele, há um artefato misterioso que dá início a uma busca incessante através do universo de Dante Alighieri, autor de “A Divina Comédia“, de forma a que possa entender não apenas o que aconteceu, e o porque de ser perseguido.

Como mencionei, o filme é interessante do começo ao fim e acaba nos arrastando para um mundo angustiante cheio de obras literárias e misteriosas da história. Tom Hanks como sempre dá vida ao personagem e contracena muito bem com Felicity Jones. A fotografia é simplesmente maravilhosa, assim como o cenário principal do filme Florença.

Confira o trailer:

E você, assistiu?

Me lembro que na infância eu era viciada por filmes de tubarão, aquele frio na barriga das cenas de tensão e suspense que a gente sempre vê em filmes deste gênero gosto disso, pode parecer chato para algumas pessoas. Mas,  sigo amando e foi por isso que eu assisti Águas rasas, filme estrelado pela nossa Serena lá de (Gossip Girl), aka Blake Lively. ??

aguasrasasfilme

A história conta sobre a vida de Nancy (Blake Lively) uma jovem que larga o curso de medicina, após a recente perda da mãe, na luta contra o câncer. Seguindo uma dica sua, ela vai surfar em uma praia paradisíaca isolada do México. Nancy é simpática e aproveita este tempo que está só para fazer uma reflexão sobre a vida e aproveitar as ondas gigantes da praia. Até que um dia, ela acaba sendo ataca por um enorme tubarão. Passado alguns minutos antes disto acontecer, havia dois surfistas que estavam indo embora da praia e acabaram não percebendo o que havia ocorrido.

Desesperada e ferida, Nancy consegue se proteger temporariamente em um recife de corais. São horas de sobrevivência em que precisa pensar em como sair daquele lugar o mais rápido possível. No outro dia, os surfistas que estavam no mesmo local aparecem e de longe ela avisa que tem um tubarão, eles não escutam e acabam tentando chegar até ela, e isso acaba não acontecendo. Depois de alguns dias presa e sem ajuda de ninguém Nancy consegue pensar em uma armadilha para que o tubarão desista dela.

aguasrasas_blakelively

A fotografia é impressionante, dá até vontade de entrar na tela e ficar naquele lugar pra sempre. Gosto bastante da atuação de Blake, em entrevistas ela falou que precisou seguir uma dieta para mostrar um corpo mais bonito. Além disso, algumas cenas dos filmes foram gravadas na praia e outras em uma piscina gigante. O longa é eficiente e mostra a luta pela sobrevivência e a jornada de uma vida cheia de memórias que a ajudam a ter coragem e persistência para sair daquele mar de monstro, hahaha.

Confira o trailer:

E aí, já assistiu? Gosta ou não de filmes de tubarão? ?

Eu não sei vocês, mas pra mim domingo é sagrado e tem que ser regado de muitas séries e filmes e de preferência com brigadeiro do lado hahah. No meu último não foi diferente e assisti Um Álibi Perfeito, um filme de suspense e perturbador com uma narrativa que deixa qualquer um curioso pra saber o final do filme. O melhor de tudo é que ele está disponível no Netflix.

umalibiperfeitonetflix

O longa gira em torno de Mitch (Dominic Cooper), um advogado bem sucedido, casado e que acaba de se tornar pai. Certa noite ele sai para beber com os amigos e na volta para casa ao invés de pegar um táxi, como havia prometido para a esposa, ele volta dirigindo e atropela um homem desconhecido. Mitch fica desesperado com a situação e liga para ambulância e foge do local do acidente.

Alguns dias se passam e Mitch descobre que outro homem está sendo acusado em seu lugar, Clinton (Samuel L. Jackson). A partir disso, ele faz de tudo para livrar o homem da culpa e provar que foi apenas um acidente. Mesmo que todas as provas indiquem que o homem era o verdadeiro assassino da vítima. Depois que Mitch consegue deixar Clinton livre disso, ele acaba descobrindo que o homem ao qual ele tanto estava defendendo era o verdadeiro assassino e ele tenta provar que estava errado e que o homem era culpado.

umalibiperfeitofilme

Ótimas atuações um destaque merecido para Samuel L. Jackson que consegue nos deixar com raiva e pânico ao mesmo tempo. Ta aí uma boa pedida pra quem gosta de suspense e com reviravoltas, tenho certeza que você já deve estar curiosa pra saber o final! 😀

Confira o trailer:

Ah e pra quem não viu o Netflix tá cheio de filmes atuais que mal chegaram no cinema, vale a pena acompanhar! 😉

E aí, já assistiu?

Depois de acompanhar vários filmes bons que rolou na Maratona Oscar, nada melhor que voltarmos a nossa sessão básica de toda semana Para Assistir e hoje trago um filme excelente com duas protagonistas pra lá de famosas. Jennifer Lopez foi dar uma pausa na música e no rebolado e voltou para atuação e junto com ela Viola Davis. Ambas atuam muito bem no glorioso Lila & Eve.

filmeLilaeEve

Ambas vivem a mesma situação e se conhecem em um grupo de apoio a mães que tiveram seus filhos assassinados. Lila (Viola Davis) é mãe de Stephon, um adolescente assassinado brutalmente sem motivos aparentes enquanto voltava para casa. Eve (Jennifer Lopez) é mãe de uma pequena garotinha que também foi assassinada. Além de carregar o luto incondicional, as duas lutam por algo em comum: querem justiça pela morte de seus filhos.

Lila segue insatisfeita com os resultados dos trabalhos da polícia, Eve a aconselha a procurar justiça com as próprias mãos. Conseguimos sentir na pele de Lila & Eve como é perder um filho e não encontrar respostas de seus assassinatos. A história é repleta de flashbacks, e aos poucos conseguimos entender como é fácil perder o juízo quando perdemos um ente querido.

Lila-and-Eve

O suspense é bom, mas já dá pra se ter uma ideia na metade do filme e perceber qual será o desfecho. O filme me agradou bastante, as atuações e a fotografia do filme estão bem bonitas e o filme está no Netflix!

Confira o trailer:

Vocês já assistiram?

Sessão Pipoca: Zipper

Finalmente voltamos a nossa sessão pipoca tão querida por aqui. Peço desculpas por deixar semanas sem atualizar esta sessão o motivo maior eu explico: não encontrei nenhum filme digno de ser compartilhado para vocês. E como sou muito exigente e detesto compartilhar filmes meia boca, preferi deixar as sextas vazias sem filmes legais pra vocês assistirem. Mas, o período sabático acaba agora, porque na semana passada assisti Zipper um filme com um enredo bacana do começo ao fim.

zipper

O filme conta a história do procurador federal Sam Ellis (Patrick Wilson) ele está prestes a concorrer a uma vaga no Senado, porém ele descobre que sua estagiária Dalia (Dianna Agron) está apaixonada por ele, isso tudo acaba interferindo em suas decisões, pois ele precisa conter seus desejos porque qualquer ato inconsequente atrapalharia sua carreira e sua imagem.

Sam tenta conter seus desejos, mas sua compulsão por sexo é incontrolável. Enquanto está no trabalho sua cabeça gira em torno de sites pornográficos e a procura de acompanhantes para realizar seus desejos. A situação foge do controle quando ele é forçado a tomar medidas cada vez mais perigosas para esconder estes atos de sua mulher, da lei e da imprensa.

zipperfilme

O filme mostra a desconstrução midiática de figuras públicas, o cenário político mostrando seus segredos e ambições e os efeitos que podem causar na vida privada.

Confira o trailer:

Eu assisti aqui. Vocês já assistiram?