Dando continuidade aos países da Copa do Mundo escolhemos falar esta semana da Croácia. Nossa primeira adversária durante os jogos da Copa. Mas, que por sinal possui uma cultura rica e pontos interessantes de se explorar. Pra quem está perdido neste post, te explico escolhemos alguns países que estão participando dos jogos da Copa do Mundo e traremos um pouco mais de sua cultura, gastronomia entre outras curiosidades que adoraríamos saber antes de visitar o país.

croacia

Na semana passada falamos da Grécia neste post aqui. Se você não leu eu recomendo o clique! 😉

1 – Porque viajar para Croácia?

Pra quem não sabe a Croácia fica localizada na Europa que limita ao norte com a Eslovênia e Hungria, valeu pelo Help Wikipédia porque até eu não sabia disso hahaha. Se você ama história, arquitetura e águas cristalinas com certeza o país vai te agradar bastante. A Croácia possui diversas atrações são elas Dubrovnik e ilhas do Adriático mais conhecida como Hvar, natureza, praias e monumentos da época das dominações romana e veneziana.

Banje-Beach-Dubrovnik-Croatia

Se você gosta de explorar melhor a natureza, reserve mais dias na Croácia e faça passeios de barco à Ilha de Vis com suas grutas, as ilhas vizinhas também possuem lugares paradisíacos que valem muito a pena conhecer, vi belíssimas imagens no google enquanto pesquisava para fazer o post, dá uma googlada aí. Há também pequenas apresentações de cantores de música folclórica em roupas típicas nas praças de Split, Trogir e Dubrovnik as chamadas Klapas, inclusive acontece festivais anuais destas canções por lá.

2 – Qual hotel se hospedar?

A Croácia oferece muitos apartamentos para aluguel de curta temporada para 4 pessoas e com Wi-Fi, ou seja, você pode alugar um espaço bacana até mesmo no centro da cidade, no qual facilita sua locomotividade para usar transporte público, conhecer os pontos turísticos, ir a restaurantes e o comércio local. A decoração do apartamento é aconchegante e confortável! Pelo que li a cidade tem feições Medievais por conter muralhas e ruas estreitas, por isso, não possibilita grandes hotéis pela cidade.

apecroacia

3- Pratos e Culinária Croata

O país possui culinária marcante pelos seus vinhos, peixes e frutos do mar regados a muito azeite de oliva, como manda a tradição mediterrânea. Além disso, a culinária italiana também está presente nas refeições diárias como massas e pizzas. No norte do país você vai encontrar uma comida mais pesada, sob influências austríaca e húngara como a carne de porco e sobremesas calóricas.

Pratos típicos do país são Porkolt (guisado com molho de pimento vermelho); Kulen (uma espécie de salsicha seca com picante); frango recheado assado, acompanhado com compota de marmelo; Juhe (sopa de frango com cogulemos); Ricet agramese, sopa de cevada com feijão com carne seca e caldo de vaca. Não deixe de comer também os pasteis feito de frutas com os Strukli (rolos de massa recheados de queijo, ovos e natas) hmmm fiquei com vontade de experimentar! Doces com mel e orehnjaca (massa folhada de nozes) lembra muito o bolo de rolo, olha aí.

comidacroata

As bebidas mais consumidas na Croácia são os vinhos da terra, aguardentes de ameixa e azeitona, Maraschino (uma bebida com essência dos frutos maduros da cereja maraska e das folhas dos seus ramos) e a cerveja Pivo.

4- Moda na Croácia

Como eu disse no post anterior, vale relembrar: respeite as tradições e costumes de cada país que você visitar. Pesquise sobre as roupas, cultura e temperaturas do local, assim você organiza melhor sua mala e reserva espaço para peças e sapatos que tanto deseja levar para sua viagem.

Caso, você viaje para Croácia em meados de dezembro e fevereiro o clima por lá é abaixo de zero durante os meses de inverno, ou seja, leve botas, casacos quentinhos e confortáveis e muitos acessórios de inverno para usar à vontade. Agora se você for em julho, o verão é predominante nesta época por lá, abuse dos shortinhos, vestidos e roupas leves.

modacroacia

E vocês, já viajaram para Croácia? Quem já foi, não deixe de compartilhar sua experiência!

É época de Copa do Mundo e todo mundo fala sobre esse assunto seja bom ou ruim, as pessoas não deixam de comentar no Twitter, no trabalho e na roda de bar. Aqui no blog eu resolvi fazer diferente, pedi para algumas amigas escolherem os países que estão jogando na Copa para sabermos um pouco mais sobre cultura, gastronomia entre outras curiosidades que gostaríamos de saber antes de visitar o país.

Santorini-Greece-low

Já que o assunto futebol não agrada tanto as mulheres, optei por falar de viagens porque sei que o assunto rende bons frutos. E caso, você leu este post e viu que eu esqueci de falar algum detalhe, não deixe de compartilhar conosco. 😉

1- Porque viajar para Grécia?

Quer muita aventura e um cenário paradisíaco: Grécia é a escolha certa. O país é conhecido por suas belíssimas paisagens e praias de águas cristalinas. Se você adora história, que tal visitar Atenas? Principal centro cultural e intelectual do Ocidente é a capital do país desde 1834. Em Atenas, fica localizado um dos mais importantes sítios arqueológicos da antiguidade a Acrópole de Atenas, o Museu Arquelógico Nacional, o cemitério de Keramikôs e o Templo de Poseidon no Cabo Sounio, que fica localizada na região mais bonita e oferece um pôr-do-sol espetacular!

Rhodes-Greece 10

Caso você não seja fã de história, pule esta parte e vá para Monastiráki e Plaka onde se concentram as lojinhas de artesanato local e souvenirs além de objetos turísticos, assim como vários restaurantes e churrascarias, por lá você pode encontrar o churrasco grego, que consiste em carne de porco, frango ou kebab (o pão grego chamado “pita”, com tomate, cebola e tsatzíki – um molho à base de iogurte, pepino e alho) eu quero!!

2 – Qual hotel se hospedar?

Quando viajamos para outro país, buscamos conforto e economia para o nosso bolso, não é mesmo? Dei uma pesquisada e encontrei 2 hotéis ótimos pra você se hospedar durante sua viagem. O Pan Hotel localizado na Rua Mitropoleos oferece boas acomodações e fica situado próximo ao parlamento, Parque Nacional, bancos e comércio local, sem contar que o hotel possui uma estrutura especializada na cultura grega.

hoteisgrego

O Astor Hotel é outro hotel que você pode ficar, ele é voltado para o histórico Triângulo de Atenas e fica próximo as lojas da região. Além disso, oferece vista da Acrópole a partir do restaurante da cobertura, possui ótima acomodação com TV, ar-condicionado e Wi-Fi disponível nos quartos e tem uma belíssima decoração.

3 – Pratos e Culinária Grega

O país é conhecido por oferecer ótimos vinhos, queijos e pratos deliciosos, sempre regados de azeite. A culinária grega é bastante rica e saborosa (eu nunca comi mais dizem que o cheiro é maravilhoso, quem já comeu confirma?) é recheada de grãos, legumes, vegetais, iogurtes e mel além de elementos doces e salgados em todos os pratos. Alho, ervas frescas como alecrim, orégano, frutos do mar, pães, cereais e carne de carneiro são alimentos que fazem parte da cozinha grega.

Além disso, os gregos costumam oferecer “mezédes” são porções de antepastos diversos que são servidos antes da refeição principal acompanhados de algumas bebidas. As bebidas mais consumidas pelos gregos são o ouzo (de alto teor alcoólico, à base de uva e anis), vinho tinto, rosé e branco e cerveja.

comidagrega

4 – Moda na Grécia

Acho que todo mundo sabe que cada país segue suas tradições e nós devemos respeitar cada lugar. A Grécia possui um clima quente e seco, dizem que é calor durante o dia e friozinho pela noite. Portanto, na hora de arrumar a mala abuse das roupas claras, vestidos floridos, shorts, saias e jaquetinhas. Não se esqueça de levar chinelinhos, tênis e sandálias de solado macio para que você não fique desconfortável durante os dias de passeio e lazer.

looksgrecia

A vontade de embarcar agora para a Grécia só cresceu enquanto eu escrevia este post 😀 . E vocês, gostariam de conhecer? Já visitaram?

Fotografando nas férias

Todo mundo concorda que a melhor época do ano, e também a mais esperada é a época das férias, não é mesmo? Bom, dezembro já está chegando e muita gente vai viajar, seja para fora do país, para outra cidade, ou até mesmo para a casa dos avós. Viajar é sempre muito bom, e fotografar faz parte do pacote! Voltamos para casa cheios de memórias boas e fotografias que nos ajudam a contar a história de como foram nossas férias.

Fotografar em viagens é essencial para guardar lembranças dos lugares que visitamos, mas às vezes aquela mesma foto de sempre cansa: você sorrindo, a paisagem logo atrás. Fotografar significa muito mais do que guardar uma imagem. É descobrir novas maneiras de enxergar o mundo, e nada melhor do que fazer isso enquanto estamos do outro lado do mundo, ou mesmo do outro lado do estado, da cidade… Como voltei de férias recentemente, montei algumas  dicas para vocês de como captar o melhor de cada lugar e levar um pedacinho de lá para casa.

PREPARANDO OS ITENS

Se a viagem que você vai fazer é essencialmente turística, quer dizer, se vai viajar para conhecer o lugar, isso incluirá longos dias fora de casa (ou do hotel) e muita, muita caminhada. Além da câmera, é sempre importante ter um cartão de memória a mais e, se possível, uma bateria (com carga total, por favor) de reserva. Acreditem, acabar a bateria no meio do dia acontece e você não vai se perdoar por ter esquecido deste detalhe. Saia de casa preparado!

DSC05712

Rue de Grenelle, Paris

 

FUJA DO BÁSICO

Como eu disse antes, aquela foto de sempre, a chamada “foto de turista” é essencial, mas um olhar diferente sob o mesmo ponto turístico pode mudar tudo e tornar sua foto mais interessante. Procure fotografar de maneiras diferentes seja pelo ângulo, pela cor ou pelo cenário. A arquitetura do lugar, por exemplo, pode render muitas fotos legais. Se o clima estiver bom e o céu estiver limpo, a foto ainda ganha um toque especial de cor. Vale a pena inovar!

DSC05319

London Eye, Londres

P1110034

Catedral de St Paul, Londres

 

FIQUE ATENTO AOS DETALHES

Captar a essência de um lugar por um detalhe é muito interessante. Por exemplo, um dos símbolos de Londres é o ônibus vermelho que circula pela cidade o tempo todo, e são super fáceis de fotografar, então, porque não? Em cidades praianas como o Rio de Janeiro, por exemplo, um simples clique de um dos moradores ou trabalhadores da praia revela muito sobre a cultura e são fotografias fáceis de se fazer. Também vale fotografar aquilo que mais te chamou a atenção ou que possui um significado especial para você.

P1110023

RedBus, Pall Mall, Londres

P1110470

Cadeados da Pont des Arts, Paris

FOTOGRAFE PESSOAS

Falando nisso… Algo que possui a essência do lugar onde você está visitando são as pessoas que vivem lá. O jeito de se vestirem, de andarem ou até mesmo as expressões faciais contam a história perfeita do lugar. É como se a fotografia contasse a história de um povo em seu habitat natural. É claro que fotografar pessoas não quer dizer invadir a sua privacidade, mas uma fotografia de uma avenida ou uma praça cheia consegue passar essa ideia perfeitamente e você não precisa pedir ninguém para fazer pose!

 P1110122

Parliament Square, Londres

P1110004

Trafalgar Square, Londres

DIVIRTA-SE

A regra básica das férias tem que valer sempre! Não se preocupe se está fotografando bem ou não a cidade que está visitando. Fotografar é bom, mas viver a experiência é ainda melhor! Tente, crie, fotografe, aproveite e divirta-se! Se no fim das contas as fotos não ficarem do jeito que você queria, você vai ter bastante história pra contar e férias incríveis na memória, pois aproveitou o máximo!

P1110765Circo Massimo, Roma

P1110011

Regent Street, Londres

E aí, vocês vão viajar nessas férias? Pra onde? Espero que tenham ótimas férias e que com essas dicas possam trazer para casa um pedacinho de onde forem visitar, nem que seja dentro de uma fotografia!

(Bom, para quem se interessou, todas as fotos deste post foram tiradas por mim, Maju, na minha última viagem de férias. Os destinos foram Londres, Paris e Roma. Foram as melhores férias da minha vida! Conheci muitas pessoas e culturas diferentes e, é claro, voltei para casa com dois cartões de memórias abarrotados de fotografias!)

edbe73a3c56b38aeb9241f2daa2be34b

Já imaginou poder decorar o seu ambiente favorito de casa com elementos e objetos da sua viagem favorita? Seja se ela foi para uma praia brasileira ou algum país com uma cultura totalmente diferente da nossa. É possível sim, além do ambiente ganhar cara nova ele vai fazer com que você retome sua viagem favorita ou até mesmo relembrar momentos inesquecíveis de quando você estava sentada tomando um café, fotografando uma paisagem e conhecendo alguma pessoa legal por lá.

e1384f0741b342d29a4d44c4cc672bbe 712ea24c3ffebc6878172b2e9bee07e2 a9e67900a0f770d06dae27f2bf603c89

Se você trouxe canecas, chaveiros, globos, mapas, almofadas, placas, quadros, estátuas, bonecos, abuse da criatividade. Escolha algum lugar que te marcou na viagem e tente decorar com os objetos que tem em mão. Fotografias são essenciais para decorar o local, mas aproveite também e escreva frases de músicas que estiveram tocando no momento em que você esteve por lá.

66e15e300efec95a3be524e03bc1c793 1548c7a1f3ad757b26d757722245a9d8

Você curte guardar o ingresso de algum parque, cinema ou teatro que foi e gostou muito? Adicione na decoração também. Pra quem adora saber que horas é no outro país que visitou, vale adicionar relógios na parede com o respectivo nome e o horário, achei super criativo essa ideia!

66e15e300efec95a3be524e03bc1c793 fc6719430e27cb6a80198183589569d2

Há muitas possibilidades de planejar uma decoração bonita, barata e elegante com a melhor viagem da sua vida, ideias e inspirações não faltam. Solte a imaginação e decore! Acredito que cada lugar que visitamos trazemos algum pedaço para a nossa vida e isso pode ser usado para o bem, como por exemplo, deixar sua casa marcada por um momento especial!

95af0d8aca6452e2aaff905cbbef5188 tumblr_maj9dlOVwI1qhjh4yo1_500_large 6a7dafb13ee5fcfad79b1cd7ac22dc4c

Gostei bastante das ideias, amei as últimas 3 inspirações e vocês?

EspanhaInterc

E hoje temos a história da Natalia que está morando e estudando lá em San Sebastián localizado na Espanha. Ela está por lá desde o ano passado apreciando a cultura, aprendendo espanhol, estudando Engenharia de Edificação e visitando os países da Europa. Natalia me disse que teve medo de encarar essa nova etapa da vida dela, mas está satisfeita e muito feliz!

11714_356497571118382_1202596041_n

1- Como fez pra escolher o lugar do intercâmbio?

Eu estou fazendo intercâmbio através do programa Ciência sem Fronteiras, por isso acabou que para mim não foi muito difícil fazer a escolha do local. Minha primeira opção era ir para os Estados Unidos, principalmente por causa do inglês, cheguei a me inscrever no edital e tudo, só que como necessitava do toefl como comprovante de proficiência na língua inglesa, acabei desistindo de participar, porque a prova é muito cara e pra mim era um risco que não valeria a pena correr, que seria pagar pra fazer a prova do toefl, sem saber se iria bem o não, e principalmente sem ter a garantia de que conseguiria o intercambio. Sendo assim acabei desistindo do edital, mas continuei com a ideia de tentar o intercambio para algum outro lugar.

Depois de algum tempo, abriram uma série de editais novos, porém, assim como pros Estados Unidos, a maioria pedia comprovante de proficiência em algum idioma, dependo do país, como inglês, francês, entre outros. Os únicos países que me restaram então foram Portugal e Espanha. A principio pensei em tentar pra Portugal, mas depois pensei melhor e resolvi tentar para a Espanha, para ter a oportunidade de aprender um novo idioma.

Com relação à cidade em que vim parar, isso não foi uma escolha minha. Em uma segunda fase do processo de seleção eu podia escolher 3 cursos que mais se aproximavam do que eu fazia, e para cada curso tinha a opção de colocar em ordem de preferência 5 universidades do meu interesse, que ofereciam aquele determinado curso. No meu caso eu curso engenharia civil no Brasil, e coloquei como opções de curso pra fazer no exterior engenharia civil, engenharia de edificação e engenharia de construção em obras públicas. No final, era a universidade que te escolhia. Sendo assim, fui aceita para o curso de engenharia de edificação na Universidad del Pais Vasco, em San Sebastián, o que para mim foi uma grande surpresa, porque nunca havia ouvido falar deste lugar.

535446_342589119175894_754557268_n

2- Você foi pra estudar e/ou trabalhar?

 Eu vim para estudar, mas através do próprio intercâmbio é possível realizar práticas, ou como se diz no Brasil, estágio, depois do período de estudos ou até mesmo enquanto se está estudando.

430854_318386048262868_2108312145_n

 3- Como as pessoas estão sendo com você?

Aonde estou vivendo o pessoal é bem receptivo, ajudou bastante no começo, conversa, brinca, são bastante calorosos.  Porém em outros lugares, aqui da Espanha mesmo, não é bem assim. Em muitos outros lugares senti que as pessoas são muito frias, mal-humoradas e não fazem o mínimo de esforço pra tentar entender o que você diz ou ajudar em alguma coisa.

24446_318407781594028_1515657856_n

4- O que você sente falta do Brasil?

Posso dizer que sinto falta de muita coisa do Brasil, não vou dizer que das pessoas, porque é quase certo que qualquer pessoa que viaje pra longe e pra viver tanto tempo distante, vá sentir falta da família e dos amigos. Tirando isso, sinto muita falta das comidas do Brasil, porque aqui a alimentação é muito diferente, e apesar de muitas vezes eu fazer comida em casa, tem coisas do Brasil que a gente não encontra por aqui com facilidade, ou nunca encontra, e outras que quando você encontra não tem o mesmo gosto que no Brasil. Outra coisa que sinto falta é das festas com músicas brasileiras, eu que adoro praticamente todos os estilos de músicas do Brasil, como forró, pagode, sertanejo e axé, não aguento mais ir pras festas aqui e só escutar as mesmas musicas eletrônicas de sempre.

537807_318394658262007_1479218041_n

5- Dica de passeios: praias, parques, turismo em geral e compras

Como tive a oportunidade de fazer um intercâmbio em uma cidade europeia, viajar e conhecer outros lugares e países se tornou muito mais fácil. Comparado com outras pessoas, não diria que viajei muito, mas posso dizer que os lugares para onde fui são todos ótimos, cada um com seu encanto.

Paris achei maravilhoso onde tem os pontos turísticos, como a Torre Eiffel. Barcelona também tem diversos lugares pra visitar, como o Parque Guell e a Igreja Sagrada Família. Bruxelas tem a superestrutura do Atomium e seus maravilhosos chocolates, onde não se pode deixar de experimentar o legítimo chocolate quente e os waffles de morango com chocolate. Itália é outro lugar magnifico, um pais que respira riqueza, moda e luxo, sem falar nas comidas que são de dar água na boca.

Falando agora de onde vivo, em San Sebastián, posso dizer que é um lugar simplesmente maravilhoso, apesar de nunca ter ouvido falar antes de vir para cá. A cidade em si é linda. É boa por não ser uma cidade grande, então é possível fazer uma grande parte das coisas andando. Caso seja necessário, o sistema de transporte público é excelente, sendo possível olhar os horários que os ônibus vão passar pelo google maps ou até mesmo na própria parada de ônibus. As praias também são muito boas, sendo elas 3: Playa de Ondarreta, Playa deLa Concha y Playa Zurriola. As praias ficam todas muito próximas uma das outras. A Playa de La Concha seria a mais famosa e mais frequentada e a de Zurriola, é onde se encontram os surfistas.  Além disso, tem o Monte Urgull e o Monte Igueldo que possibilitam uma vista do alto de toda a cidade, sem falar no Palácio Miramar que permite ter uma vista incrível da praia.

Com relação as compras, o ideal aqui é esperar o período de rebajas, que é quando ocorrem as trocas de coleção de uma estação pra outra. As roupas e tantas outras coisas, como óculos e perfumes, ficam extremamente baratos, valendo muito a pena realizar as tão desejadas compras.

Adorei a experiência da Nati, as fotos estão maravilhosas também. E vocês curtiram?

Beijokas!!

NewOrleans

 

E uma nova segunda-feira começa e com uma nova história por aqui, a de hoje é a da Andréia que foi aprimorar seu inglês em New Orleans e, além disso foi continuar sua faculdade de Agronomia por lá. Ela me contou que a vida anda uma correria, porque estava na semana de provas, mais ela não deixa de aproveitar os pontos turísticos e fazer boas comprinhas!

IMG_0809 (1)

1- Como fez pra escolher o lugar do intercâmbio?
Eu sempre quis conhecer os Estados Unidos e também sabia que as melhores faculdades estavam aqui, então decidi prestar o Ciências sem Fronteiras para a terra do Tia Sam.

2- Você foi pra estudar e/ou trabalhar?
Eu vim para estudar. Estou aqui porque fui selecionada através do programa do governo da tia Dilma, o Ciências sem Fronteiras.  Pra quem não conhece: Ciência sem Fronteiras é um programa do governo brasileiro que promove o intercâmbio de estudantes de todo o Brasil.
936176_569792319709100_1130139195_n
3- Como as pessoas estão sendo com você?
Até agora não tive muitos problemas com as pessoas aqui, tem muita gente amigável, o pessoal diz que é porque aqui no sul dos EUA o pessoal é mais caloroso mesmo, mas também tem aqueles americanos que fazem o tipo não me toque.
IMG156
4- O que você sente falta do Brasil?
Minha família e amigos, e a comida do Brasil também! Muita saudades de comer minha pamonha e tomar um açaí de tardezinha!
5- Dica de passeios: praias, parques, turismo em geral e compras
Então, eu ainda não conheci muita coisa dos EUA porque as aulas começaram logo assim que cheguei, mas dá pra indicar alguns lugares como, visitar os barzinhos e restaurantes em Uptown aqui em New Orleans, que é um lugar muito agradável de passear, tanto de dia quanto de noite. Aqui também tem o aquário e um zoológico muito legal. Os parques de Nola City que eu já fui são bem agradáveis, o City Park tem até um museu de artes e um jardim de esculturas muito interessantes de se visitar.
20130127_160142
Não posso esquecer que aqui em New Orleans também tem carnaval!! Mas eles chamam de MardiGras, é muito divertido, tem as parades com várias krewe desfilando e jogando colares na galera e você também pode encontrar a loucura de carnaval na Bourbon Street, mas prepare seu coração antes de encarar essa rua porque pode ver de tudo que imaginar e não imaginar! hahahah
Agora sobre compras, a melhor coisa dos EUA são os Outlets, I’m in love with all outlets! E tem os super WalMarts que conquistaram meu coração junto com as lojas de um dollar.

907082_582526948424865_559523350_n

Gostei bastante da experiência da Andréia e vocês?
Se você viajou para o Exterior e quer participar dessa tag, escreve pra cá: diadebrilho@gmail.com vai ser super legal mostrar sua experiência pra todo mundo, beleza?
Beijokas!!