Ter um cabelo bonito e saudável não é fácil, pois é preciso cuidar diariamente. Não só fazer uso de produtos eficazes, como também criar uma rotina de manutenção e se alimentar muito bem. O envelhecimento capilar é um processo que traz diversos danos aos quais o cabelo recebe e muitas vezes não sabemos qual é o que vem mais prejudicando no momento.

danosaocabelo

O ato de pentear o cabelo acaba provocando estresse mecânico, todos esses danos conectam-se ao envelhecimento natural dos fios e contribuem para que o cabelo fique quebradiço, com menos brilho, áspero e desidratado. Alguns desses prejuízos diários, além dos agentes externos danosos que são agressivos, eles acabam resultando em uma perda proteica. Se fazermos uso de secagens diárias, processos químicos, estilização e exposição ao sol, os danos causados não poderão ser recuperados naturalmente.

danosqueprejudicamocabelo

1- Escova e Pente – Quando não usamos produtos ideais para o nosso tipo de cabelo, o ato de passar a escova nos cabelos, pode comprometer os fios e causar danos. Pentes de borracha alteram o ponto isoelétrico do cabelo, o que leva a um desgaste da cutícula (parte externa do fio) e exposição do córtex (parte intermediária do fio).

2- Secador e Chapinha – A exposição da fibra capilar a altas temperaturas leva ao comprometimento da estrutura, o que pode corromper a harmonia da estrutura, além de perda de água. Mesmo que você use secador e chapinha todos os dias, é importante fazer o uso de desfrizantes com proteção térmica e protetores especiais para a escovação, antes de submeter os fios ao aquecimento.

3- Descoloração e Coloração – O processo de descoloração capilar é muito agressivo aos fios, destrói as ligações de hidrogênio, resultando em um cabelo extremamente desidratado e fraco. Em processos de descoloração, o tempo e a concentração em volume da água oxigenada são fundamentais para determinar o nível de descoloração e agressão aos fios de cabelo. No processo de coloração permanente ou semipermanentes, acontece a abertura das escamas da fibra capilar pela ação de amônia e monoetanolamina. O processo de tintura provoca a quebra das pontes de hidrogênio e salinas, isso resulta na perda de água e compromete a resistência, maciez e brilho dos fios.

4- Sol, Água do Mar e Cloro – Os fios passam por um processo oxidativo devido a ação dos raios UV quando há muita exposição solar. Isso afeta a cutícula do cabelo e catalisa a degradação das proteínas, além de provocar a oxidação da melanina através de radicais livres e o comprometimento da queratina. Os danos vão de descoloração do cabelo à redução da força dos fios e perda de brilho. Mesmo que o seu cabelo tenha um dano estrutural ou o cabelo virgem, a exposição do mar, por conta do sal e iodo, ou da areia, cloro, vento e sol acabam prejudicando a estrutura e a ceramida do fio.

cabelosdanificados

É possível reverter os danos? 

Para reestruturar os fios é essencial uma alimentação rica em: zinco, ferro, cálcio e manganês, além da suplementação via oral com silício orgânico biosponível Exsynutriment, Biotina, Cisteína e Bio Arct e também investir em reparação tópica com ativos ricos em proteínas que o cabelo perdeu. Ingredientes como Bio-Restore, Capillisil, ReparAge e Arct Alg são recomendados para repor aminoácidos, restaurar a fibra capilar e nutrir o couro cabeludo. 😉

Aposte em produtos antiqueda dos fios, tanto em Shampoos, Condicionadores e Máscaras. E de produtos que auxiliam no crescimento, proporcionando fios mais fortes e com brilho. Atualmente, faço muita hidratação e nutrição em casa e tento evitar usar o secador todos os dias.

E você, qual cuidado tem feito com o cabelo?