Se tem um assunto que eu adoro conversar é sobre filmes e séries, gosto bastante e inclusive troco ideias com amigos sobre dicas. Atualmente, tô apaixonada por documentários também, ligados à saúde no Netflix há uma porção deles e assim que eu for assistindo, vou compartilhar com vocês tá? Inclusive o post sobre filmes e séries que indiquei no Netflix aqui deu tão certo. Que eu acabei querendo fazer um post com mais filmes, já que temos feriado nesta semana, dá pra colocar os filmes/documentários em dia e até começar uma nova série. 😉

1) Naomi and Ely’s no Kiss List

Naomi_And_Elys_No-Kiss_List1

Naomi (Victoria Justice) e Ely (Pierson Fode) sempre foram melhores amigos. Eles se divertem, saem e passam boa parte do tempo juntos, mas um romance nunca rola entre eles porque Ely é gay. A dupla decide estabelecer uma “no kiss list” mais precisamente como a lista de homens que nenhum dos dois podem beijar, para não estragarem a amizade. O sistema funciona bem até o dia em que Naomi e Ely se apaixonam pelo mesmo rapaz. O filme tem uma história bem bobinha e fofinha, mas é divertido quando os dois se atracam pelo mesmo cara.

2) Parker

Parker

Parker (Jason Statham) é um ladrão esperto, porém é traído por pessoas de seu grupo e quase acaba sendo morto. No entanto, acaba sobrevivendo ao atentado e despertará disposto a se vingar dos bandidos. Parker conhecendo o plano para um importante roubo na Flórida, se passa por um milionário em busca de um imóvel na região. É quando Leslie (Jennifer Lopez), uma corretora de imóveis em dificuldades financeiras que acaba se metendo nos planos criminosos de Parker. Tem ação do começo ao fim, é um ótimo filme!

3) Sem Limites

semlimites

Eddie Morra (Bradley Cooper) sofre de bloqueio criativo como escritor. Um dia, ele reencontra na rua seu ex-cunhado, Vernon (Johnny Whitworth), que lhe apresenta um remédio que permite o uso de 100% da capacidade cerebral. O efeito funciona rapidamente em Eddie, pois ele passa a se lembrar de tudo que ouviu, viu e leu em sua vida. A partir de então ele consegue aprender outras línguas, fazer cálculos complicados e escrever rapidamente. Acontece que para manter este ritmo precisa tomar o remédio todo dia. Seu desempenho chama a atenção do empresário Carl Van Loon (Robert De Niro), que resolve contar com sua ajuda para fechar um dos maiores negócios da história. Achei o filme bem cansativo e chato, confesso. Mas, compartilhei pelo fato que alguém deva gostar já que temos Bradley no longa.

4) Para Sempre Alice

parasemprealice

A Dra. Alice Howland (Julianne Moore) é uma respeita professora de linguística. E com o tempo, ela começa esquecer certas palavras e se perder pelas ruas de Manhattan. Ela é diagnosticada com Alzheimer. A doença faz com que a família seja seu apoio crucial. Enquanto a relação de Alice com o marido, John (Alec Baldwinse), se fragiliza, ela e a filha caçula, Lydia (Kristen Stewart) se aproximam. A história é linda a atuação de Julianne é ainda melhor, com certeza é um filme que eu assistiria novamente.

5) Sense8

sense8

Conta a história de oito desconhecidos: Will, Riley, Capheus “Van Damme”, Sun Bak, Lito, Kala, Wolfgang e Nomi. Cada uma dessas pessoas é de uma cultura e um país diferente (exceto Will e Nomi, ambos americanos). Em seu cotidiano, todos têm uma visão violenta da morte de uma mulher chamada Angélica e a partir de então, eles descobrem estar mental e emocionamente ligados um ao outro, sendo capazes de se comunicar, sentir e apoderar-se do conhecimento, linguagem e habilidades alheias. Já falei da série aqui e recomendo pra todos. A série é inteligente e surpreendente. Ansiosa pela 2º temporada só no ano que vem hahaha. 😛

6) Fed Up

fed-up2

Aborda a questão do consumo exagerado de açúcar e junkfood e a consequente epidemia da obesidade mundial. O foco principal do documentário é desmascarar diversos mitos da alimentação e deixar de culpabilizar somente a gula e o sedentarismo pelos altos índices de obesidade a partir da infância. Segundo informações do documentário, o ganho de peso também é um resultado natural de políticas públicas frouxas e da indústria de alimentos, que se aproveita na venda de produtos cheios de sal, açúcares e gorduras. É um excelente documentário pra você entender e aprender a forma de como as coisas funcionam na indústria da alimentação.

E aí, qual você vai assistir? Aceito recomendações!

Amanhã é uma data especial, viu? Passem aqui!

Eu não sei vocês, mas pra mim domingo é sagrado e tem que ser regado de muitas séries e filmes e de preferência com brigadeiro do lado hahah. No meu último não foi diferente e assisti Um Álibi Perfeito, um filme de suspense e perturbador com uma narrativa que deixa qualquer um curioso pra saber o final do filme. O melhor de tudo é que ele está disponível no Netflix.

umalibiperfeitonetflix

O longa gira em torno de Mitch (Dominic Cooper), um advogado bem sucedido, casado e que acaba de se tornar pai. Certa noite ele sai para beber com os amigos e na volta para casa ao invés de pegar um táxi, como havia prometido para a esposa, ele volta dirigindo e atropela um homem desconhecido. Mitch fica desesperado com a situação e liga para ambulância e foge do local do acidente.

Alguns dias se passam e Mitch descobre que outro homem está sendo acusado em seu lugar, Clinton (Samuel L. Jackson). A partir disso, ele faz de tudo para livrar o homem da culpa e provar que foi apenas um acidente. Mesmo que todas as provas indiquem que o homem era o verdadeiro assassino da vítima. Depois que Mitch consegue deixar Clinton livre disso, ele acaba descobrindo que o homem ao qual ele tanto estava defendendo era o verdadeiro assassino e ele tenta provar que estava errado e que o homem era culpado.

umalibiperfeitofilme

Ótimas atuações um destaque merecido para Samuel L. Jackson que consegue nos deixar com raiva e pânico ao mesmo tempo. Ta aí uma boa pedida pra quem gosta de suspense e com reviravoltas, tenho certeza que você já deve estar curiosa pra saber o final! 😀

Confira o trailer:

Ah e pra quem não viu o Netflix tá cheio de filmes atuais que mal chegaram no cinema, vale a pena acompanhar! 😉

E aí, já assistiu?

Demorei pra falar de filmes de novo por aqui, né? Até assisti alguns, mas não compartilhei porque achei a história sem graça e vazia. Mas, foi bom porque deu tempo de dar uma olhada no Netflix e não é que tem muito filme atual bom por lá? Encontrei Sicario: Terra de Ninguém e não deixei a oportunidade passar, assisti e gostei!

sicario5

O filme gira em torno da agente do FBI Kate Macy (Emily Blunt), que participa de uma operação onde descobre, escondidos atrás das paredes de uma casa, dezena de corpos. Sua dedicação e revolta diante da situação faz com que seja convidada a integrar uma equipe multi-organizacional, que tem por objetivo capturar um chefão do crime mexicano Alejandro (Benicio Del Toro). É quando, aos poucos, Kate percebe que sua crença no que prega a lei nem sempre é levada tão a sério.

sicario-700x352

Sob a influência dos atos pós 11 de setembro nos Estados Unidos, Sicario aborda com propriedade a postura norte-americana de fazer justiça a todo custo, sem se importar com os meios necessários. Na verdade, a função maior de Blunt no longa-metragem é justamente ser este contraponto moral, que a todo instante relembra os demais personagens sobre o contexto envolvido.

Como todos os filmes de ação Sicario mantem o espectador ao envolvimento da história por suas sequências de aviões particulares, vias públicas e túneis clandestinos para se locomover além das fronteiras, tanto morais e geográficas. O longa trata com competência as dúvidas morais existentes na atual conjuntura política e diplomática orquestrada pelos Estados Unidos.

Confira o trailer:

Pontos positivos do filme a atuação de Emily Blunt, assim como a trilha sonora e a fotografia!

E aí, já assistiu?