Oi gente linda, mais uma semana e eu aqui de novo. Só saio daqui o dia que eu for demitida pela produção Wanessa. Essa semana eu vou indicar novos filmes pra vocês, mas os de hoje são completamente diferentes dos que eu indiquei nas semanas anteriores. E nossa, antes que eu me esqueça, estou adorando as indicações que vocês deixam nos comentários.

Hoje estreia nos cinemas Universidade Monstro, o prequel de Monstros S.A., e bom o primeiro filme é um dos meus favoritos da Disney Pixar, e para comemorar o lançamento desse filme tão esperado, pelo menos por mim, resolvi indicar duas animações para vocês.

1 – Como Treinar o Seu Dragão (How To Train Your Dragon, 2010)

como treinar o seu dragao___

Como Treinar o Seu Dragão conta a história de Soluço (Jay Baruchel) um jovem viking que sonha em matar um dragão só para provar para o seu pai que ele pode ser um viking igual a ele. Em uma das batalhas contra dos temidos dragões, Soluço consegue capturar o dragão mais temido por todos, o Fúria da Noite ou Banguela (mas só para os íntimos). No dia seguinte quando vai procurar a criatura não consegue matá-lo e o liberta. Só que Soluço percebe que ele não consegue voar porque perdeu uma parte da calda, logo resolve ajudar o dragão construindo um artefato que possa substituir a parte perdida. Com isso os dois acabam se tornando amigos e ai vem à cena mais fofa de todos os tempos. Soluço faz de tudo para agradar o Banguela e o dragão repete todas as ações do jovem viking como se fosse gente. A cena dele tentando sorrir é ótima.

Paralelo a tudo isso o pai de Soluço, Stoico (Gerard Butler), deixa ele participar do treino para dragões, que é basicamente um “curso” para jovens vikings aprenderem matar dragões e a tarefa final para quem se sair melhor é justamente matar um dos animais. Com a convivência com Banguela, Soluço aprende várias coisas sobre as criaturas e surpreende durante do treinamento, deixando todos bem surpresos. Ele, aliás, é a pessoa mais desastrada de todas. Se você se acha desastrado, tenha certeza que ele é bem pior. Tudo que ele coloca a mão dá errado e na ilhazinha em que ele mora ele é justamente conhecido por isso, quando as pessoas o veem já sabem que algo vai dar errado. Ele geralmente atrapalha mais do que ajuda.

Como Treinar o Seu Dragão é baseado em uma série de livros da escritora Cressida Cowell e ano que vem o filme vai ganhar uma continuação,  que deve ser baseada no segundo livro, Como Ser um Pirata, que mostra Soluço como líder dos vikings. Eu nunca li os livros dá série, mas já me falaram que eles são ótimos, então já fica como dica para quem gosta.

2 – A Origem dos Guardiões (Rise of The Guardians, 2012)

a-origem-dos-guardioes__

A Origem dos Guardiões conta a história de um grupo de guardiões que são os protetores de todas as crianças do mundo. Eles são Norte (Alec Baldwin), Sandy, Fadinha (Isla Fisher) e Coelhão (Hugh Jackman), ou para ficar melhor, eles também são conhecidos como Papai Noel, Fada dos Dentes, Coelho da Páscoa e Sandman, que é o guardião dos sonhos, é ele quem garante que não tenhamos pesadelos durante a noite. Mas nem tudo são flores e um espírito maligno, o Breu (Jude Law) ou o Bicho Papão, aparece para transformar todos os sonhos em pesadelos e despertar o medo nas crianças e meio que fazer todas elas desacreditarem nos guardiões. Com isso a Lua designa um novo guardião para ajudar a todos: Jack Frost (Chris Pine). Um dos momentos mais legais da história é quando todos se juntam para ajudar a Fada dos Dentes a recolher todos os dentes do mundo, para que a crianças não deixem de acreditar nela. É hilário ver como eles podem ser tão competitivos entre si, um sabotando o outro para conseguir mais dentes.

A história pode parecer meio infantil, mas eu não achei. Achei o filme interessante e o que ele mostra faz muito sentido. Os guardiões preservam a inocência das crianças, nós só deixamos de acreditar neles quando já somos mais velhos, quando já não somos tão inocentes assim. Outra coisa boa é que ele não mostra o Papai Noel, o Coelho da Páscoa e a Fada dos Dentes com aquela imagem que toda criança tem. Na história o bom velhinho não é tão fofo assim, ele é um cossaco russo todo tatuado; o Coelho da Páscoa não é branquinho e nem fofinho, é um coelho gigante e australiano que anda pra cima e pra baixo com um bumerangue em mãos; e a Fada dos Dentes não é bem uma fada e sim meio humana meio colibri, ela é toda fofinha como o esperado, mas tenho certeza que a Sininho ficou meio chateada quando eles tiraram a forma de fada da moça que cuida dos nossos dentes.

A Origem dos Guardiões me apresentou dois guardiões que eu nem tinha ideia da existência, que são o Sandman e o Jack Frost. O Sandman é o guardião dos sonhos, uma criaturinha fofa que não fala para não ter que acordar ninguém, então ele se expressa através de imagens de areia; e o Jack Frost é um jovem solitário, meio rebelde que tem o poder de evocar o vento, o frio, a tempestade e a neve. Ele é a personificação da travessura e do caos de uma criança. Acredito que muitas pessoas no Brasil não conheciam Jack Frost e sua história pelo fato de estarmos em um país tropical. Acho que Jack derreteria se viesse para cá.

Espero que gostem das indicações da semana. Aliás, quem não conhece Monstros S.A. assista AGORA ao filme, porque é a coisa mais fofa da face da terra e quem já assistiu corre para o cinema e assiste a Universidade Monstro que deve estar tão bom quanto o primeiro filme.

Beijos e até semana que vem.