E mais um ano chega ao fim e não podemos deixar de falar da Retrospectiva 2016. Relembrar de todos os momentos gloriosos deste ano entre eles as principais tendências, penteados, transformações capilares, produtos de beleza e maquiagem, tretas na internet, casais que se separaram entre outros fatos que nos surpreenderam e não víamos a hora de finalmente ver 2016 ir embora, ufa!

Resolvi fazer um balanço resumido de tudo o que rolou pra gente trocar ideia, começando pelas mudanças capilares de várias celebridades, todas adotaram o cabelo curtinho como Anitta, Kendall Jenner, Cara Delevigne e várias outras. Tendências clássicas como a blusa ombro a ombro, slipdress, chokers, tênis com led, patches, flatforms agradou muita gente.

Os hits de beleza como o low-poo super comentando na internet e todo mundo aderindo para a vida real, assim com muitas mulheres aproveitaram para reassumir seus cachos naturais. O Óleo de coco foi outro usado desde as pontas do cabelo e nas comidinhas saudáveis. Os batons mais falados do momento da Kylie Jenner a mais nova empreendedora que você respeita, hahaha.

Casais que durariam para sempre e nos surpreenderam com a separação como Angelina e Brad Pitt, Fátima Bernardes e William Bonner, Amber Heard e Johnny Depp. Também vimos muitas famosas com looks para lá de charmosos e outros bem esquisitos, né? E teve muito barraco e memes pra gente não parar de rir Kim expondo os fatos de Taylor, Ryan Lotche pagando micão nas Olimpíadas e Zezé di Camargo x Família Camargo. Além de muita cultura no mundo da música, cinema e das séries como a estreia de Stranger Things e o especial de Gilmore Girls.

2016 foi intenso em todos os sentidos, né? Gostei de basicamente todas as tendências clássicas, os hits de beleza e maquiagem. E relação a separação a que mais me chocou foi a da Fátima e Bonner. Como boa apreciadora de memes acompanhei todos hahaha. Conheci muitos artistas novos e ouvi o tão aguardado álbum da Rihanna, vi mais filmes do que séries novas, vocês puderam perceber pelas dicas de sexta 😛 .

E pra vocês, o que 2016 marcou? Qual tendência você não quer ver mais?