Se eu pudesse adicionar um filme na lista de indicados ao Oscar deste ano, eu teria colocado Animais Noturnos. Assisti ele tem um tempinho e só lembrei agora que eu tinha esquecido completamente de falar pra vocês aqui no blog. É um filme inteligente e muito interessante, envolve mistério, histórias e tem atores de peso no elenco e é basicamente isso que motivou eu assisti-lo. ??

O longa gira em torno de Susan (Amy Adams) uma artista de sucesso, casada, tem uma filha e um dia recebe um livro misterioso escrito pelo ex-marido. A cena de introdução do filme serve visivelmente para chamar atenção, pois mostra mulheres acima do peso nuas e dançando, na verdade são mulheres com muito excesso de pele e peso, usadas na exposição da galeria de Susan, mostrando seu sucesso, algo que não existia quando estava com seu primeiro marido, o escritor Edward (Jake Gyllenhaal).

À medida em que Susan vai lendo o livro, vamos vendo cenas de flashbacks com o casal, mostrando os motivos que levaram a separação e o quanto a protagonista o considerava fraco. No livro, Tony (Jake Gyllenhaal) é um homem que estava viajando à noite com sua mulher e filha, numa estrada deserta e são encurralados por três homens. Todo suspense e angustia que a família vive traz a sensação de desespero e sufoco. O que acontece na estrada marca para sempre a vida de Tony, que depois de muito tempo ainda conta com a ajuda do Xerife local para buscar pelos homens daquela noite.

Aos poucos entendemos como a vida de Susan é vazia. Toda expectativa é construída para uma possível mesclas de histórias paralelas: a do livro e da vida de Susan, mas as histórias não se intercalam como gostaríamos. Outro ponto marcante do filme que é possível perceber, Susan é rodeada por poucas cores, numa estética que dialoga com o vazio de sua vida, sem emoção. As poucas cores que aparecem são escuras e também combinam com sua personagem. Conforme Susan vai lendo a história de Tony, começa a entender que fez escolhas erradas na vida.

Confira o trailer:

Excelente atuação de Amy e Jake, a fotografia do filme é extremamente precisa em suas cores e foco, acho que Tom Ford fez um ótimo trabalho por trás disso. É um filme para quem realmente ama cinema, pois envolve suspense, thriller psicológico criado de uma forma que nos prende do começo ao fim. ??

Já assistiram?

Sessão Pipoca: Nocaute

Entre o vai e vem das minhas escolhas não tão exclusivas na hora de selecionar um filme legal para compartilhar aqui o desta semana pode agradar ou não muita gente. Isso porque o filme envolve drama e ação e tem Jake Gyllenhaal como boxeador no elenco o que faz muita mulheres deixar outros filmes de lado para ver o gato na telinha.

Nocautefilme

Nocaute acompanha a história do boxeador Billy Hope (Jake Gyllenhaal) ele foi criado em um orfanato em Nova York e conseguiu tudo através do esporte, inclusive sua carreira de boxeador. No auge da carreira, ele nunca perdeu uma luta, sua esposa Maureen (Rachel McAdams) não tem certeza de quanto tempo ele vai aguentar essa vida. O casal tem uma filha de 13 anos a pequena Leila (Oona Laurence) eles moram numa mansão enorme e cheia de carros de luxo.

Nocaute - Jake Gyllenhaal

De repente tudo vira de cabeça pra baixo, Billy se encontra com um boxeador rival e os dois começam uma briga, Maureen tenta separar os dois com ajuda de outros homens e acaba levando um tiro. Billy sem nenhum dinheiro no bolso acaba se envolvendo com álcool, após um acidente de carro ele perde a custódia de sua filha. Sem saber o que fazer ele corre atrás de um emprego para tentar reerguer sua vida e a confiança de sua filha novamente. Ele procura emprego em uma academia e por lá encontra o treinador Tick Will (Forest Whitaker) um homem que valoriza as qualidades e fraquezas, principalmente de seus alunos por estarem na luta.

Confira o trailer:

Não é preciso mencionar que a atuação de Jake está impecável, aparência de um boxeador profissional, porte físico condizente e expressões realistas e marcantes. As poucas cenas feitas com Rachel demonstram uma ótima conexão entre os dois. Achei algumas cenas do filme bem entediantes, mas gostei do filme.

Assisti o filme aqui.

E vocês, já assistiram? Gostam de filme neste estilo?