Olá pessoal, como estão? Mesmo durante esse período de férias os dias estão corridos. Mas hoje eu vou direto ao ponto. O filme de hoje é um dos que eu mais estava esperando o lançamento, por motivos de: Benedict Cumberbatch. Como uma boa fã de Sherlock eu comecei a acompanhar o trabalho dele e não podia deixar esse filme de fora. O Jogo da Imitação (The Imitation Game, 2014) é baseado em fatos reais e conta a história do pioneiro da computação, Alan Turing.

o jogo da imitação 1_

Em 1939 quando a Grã Bretanha declara guerra contra a Alemanha, o governo britânico monta uma equipe secreta para quebrar o Enigma, a máquina geradora de códigos que os alemães usavam para enviar mensagens aos submarinos. Um dos integrantes é o jovem Alan Turing (Benedict Cumberbatch), um matemático especialista em criptografia completamente focado em seu trabalho e com sérios problemas em se relacionar com as pessoas a sua volta. Com a aprovação de Winston Churchill, o primeiro-ministro da época, Turing logo se torna o líder da equipe.

O plano do matemático é construir uma máquina que calcula todas as possibilidades de codificação do Enigma em até 18 horas, de forma que o exército inglês receba todas as mensagens enviadas antes que a Enigma mude sua execução. Depois de alguns anos trabalhando em conjunto com a sua equipe, em especial com Joan Clarke (Keira Knightley), eles conseguem fazer “Christopher” (nome dado por Turing a máquina) fazer funcionar decodificando todas as mensagens alemãs. Entretanto, eles têm que tomar cuidado para que o exército alemão não descubra sobre a máquina e Turing tem que cuidar para que ninguém descubra sua homossexualidade, que era considerado crime na época.

o jogo da imitação 2_

Vou confessar que não sabia nada sobre Alan Turing até assistir esse filme e fiquei bem impressionada ao saber que a máquina que ele criou conseguiu diminuir a Segunda Guerra Mundial em dois anos. Inclusive eu e uns amigos conversamos um pouco sobre “o jogo da imitação”, a teoria criada por Turing que dá nome ao filme e que questiona se as máquinas são capazes de pensar da mesma forma que um humano. O que vocês acham?

Benedict Cumberbatch entrega mais uma atuação impecável e a indicação dele ao Oscar de Melhor Ator é muito justa. É difícil não se emocionar com toda a trajetória de Turing na ciência e como o “herói de guerra” terminou. Eu sou suspeita para falar da Keira Knightley então vou apenas registrar que ela está uma linda no filme e que eu adorei ela como a única mulher da equipe e enfrentando o preconceito de ser uma cientista mulher.

O Jogo da Imitação está concorrendo a oito Oscars. Entre eles, além de Melhor Filme, ele também foi indicado em Melhor Ator, para Benedict Cumberbatch e Atriz Coadjuvante para Keira Knightley.

Alguém já assistiu O Jogo da Imitação? O que achou?

Semana que vem tem mais e em dose dupla.

Beijos