Eu li: A Graça da Coisa

Mais um livro concluído! Dessa vez, resolvi ler crônicas e nada melhor que ser dela: Martha Medeiros. Vocês já perceberam meu amor incondicional pelas palavras dessa escritora tão verdadeira e fantástica, não é mesmo? Recomendo demais os livros dela, são profundos e te ajudam, seja nos momentos divertidos da vida, como nos tristes e felizes também. Martha nos leva a reflexão e inspiração para seguir a vida de um jeito leve!

“Conscientize-se de que sua inteligência é superior as suas medidas, que ser magrinha não atrai amor instantâneo, que sua personalidade é um cartão de visitas, que a felicidade é a melhor maquiagem, que ser leve é que emagrece.” Página 66

marthamed

No livro A Graça da Coisa, Martha mostra cara a cara que não estamos sozinhos nessa vida corrida diária de estudos, cobranças, preocupações diárias, afim de garantir um trabalho digno, realizar um sonho, conquistar uma meta e garantir o futuro certo para nós. Seus textos seguem o ritmo da leveza e sabedoria, através das palavras, Martha aborda sobre os temas que adoramos ler: amor, problemas nos relacionamentos, o cinema, sua paixão pela literatura, as relações familiares entre muitos outros temas que nos levam a pensar em cada momento de nossas vidas.

“Pessoas que não circulam, não possuem amigos, não se informam, não leem, enfim, pessoas que não abrem seus horizontes tornam-se preconceituosas e mantem-se na estreiteza da sua existência.” Página 165

Vou relevar um segredinho pra vocês, este foi o livro dela que não me conquistou de cara, isso porque alguns textos são muito bons e outros bobos, fatos e histórias que não atraem o leitor, sabe? Foram poucas crônicas que me prenderam e fizeram eu salvar trechos no meu bloquinho de notas (sim, salvo para pregar no meu quadro de fotos :D, vocês fazem isso também?). Este foi o único ponto negativo do livro. Os trechos destacados no post foram dos textos que eu mais gostei, seguindo sequência lá de cima para baixo os nomes são: O Macaco Branco, Empatia, O Michelangelo de Cada Um.

“Amadurecer é passar por esse refinamento, deixando para trás o que for gordura, o que for pastoso, o que for desnecessário, tudo aquilo que pesa e aprisiona, a matéria inútil que impede a visão do essencial, que camufla a nossa verdade. O que o tempo garimpa em nós? O verdadeiro sentido da nossa vida.” Página 215

E vocês, já leram A Graça da Coisa? Gostam de ler crônicas?

Tá rolando o questionário do blog, já respondeu? Se a sua resposta é não, clica aqui!

Post por: Larissa Siriani 

Julho chegando, friozinho… como de hábito, a Wanessa me pediu pra mais um especial de livros pras férias, e aqui estou eu! Quem aí está pronta pra uma maratona de leitura?

1) A Desconstrução de Mara Dyer

Um dos melhores livros que li esse ano, é o primeiro de uma trilogia sobre a vida de uma adolescente após um acidente traumático que matou seus amigos e a convivência com misteriosos acontecimentos à sua volta. O livro tem uma pitada sensacional de suspense e narrativa rápida, além de personagens super envolventes. Você vai ler num segundo e depois vai se perguntar como a sua vida pode fazer sentido sem aquele universo!

large (1)

2) Sinfonia

Lançamento brasileiro, o livro pode assustar pelo tamanho (sério, são mais de 750 páginas!) mas a história é tão gostosa que elas passam sem que você perceba. Conta a história de um grupo de estudantes que acaba de ingressar numa universidade fictícia no Rio de Janeiro, e suas vidas e rolos nessa transição para a vida adulta. Tem um enredo simples, uma porção de personagens inesquecíveis e vai te levar das gargalhadas às lágrimas em poucos capítulos.
3) O Garoto da Casa ao Lado
Onde tem férias, tem Meg Cabot! Parte da trilogia “Garoto”, este conta a história de Melissa e John. Eles são jornalistas de jornais concorrentes, e se conhecem quando John muda para o apartamento ao lado do dela usando um nome falso, se fazendo passar por um amigo a quem ele deve um favor. O romance é todo narrado através de e-mails e é, como todo livro da Meg, a coisa mais fofa e divertida do universo! Não tem erro.
melina-abertura3
4) Mocassins & All Stars
Vocês já ouviram falar dele por aqui, mas fica aí a indicação dobrada. M&A é amor puro nas suas 400 e tantas páginas. Nele, conhecemos a história de Julie, que se muda de Nova York para a Califórnia após a morte de seu pai. Como se a vida já não estivesse de ponta cabeça por si só, tem sempre um garoto… Garanto que o “Efeito Torrez” vai demorar a passar. Recomendadíssimo.
5) O Castelo Animado
Livro que ganhou uma animação pelas mãos do japonês Miyazaki, ele conta a história de Sophie, que após ser amaldiçoada por uma bruxa, se torna uma jovem de 19 anos presa no corpo de uma velha de 90. Ela busca abrigo no Castelo Animado do Mago Howl, sem saber que ali acabaria encontrando seu destino. O livro é decididamente fantástico, e é uma viagem maravilhosa, apesar de não ser tão longo. Pros amantes de fantasia, não tem coisa melhor!
Espero que tenham curtido as indicações! Boas férias e ótimas leituras pra vocês 😉
O que vocês escolheram para ler nas férias?