Voltamos lindonas, Feliz 2017 ??! Estava com saudades das postagens e a interação com vocês. Tirei férias merecidas ali no Rio de Janeiro e a programação tá de volta com novidades, tenham calma que logo mais os ajustes estarão no blog. Aproveitei para descansar muito, mesmo com a cabeça a mil pensando no primeiro post do ano. Afinal, nada melhor que colocar na balança e pensar no que gostaríamos para este ano novo que se inicia, não é mesmo?

Os dois últimos anos pra mim foram de desafios eu gostei tanto disso, e acabei me propondo novas atitudes, quebrar preconceitos, trazer novas reflexões e pensamentos. Entre eles estão ter mais coragem, me arriscar, pensar menos, viver mais! Isso vale para tomar atitudes pessoais, mentais e profissionais. O que eu mais aprendi nos anos anteriores é acreditar mais em mim e isso eu compartilho com qualquer pessoa. Esqueça as vozes negativas e afaste de tudo que não acrescenta na sua vida, garanto que será mais leve e os resultados aparecerão.

Aproveitei e separei 10 dicas para você por em prática na sua vida e lembre-se evoluir, amadurecer, aprender é fundamental na vida de qualquer pessoa! ✌?

1. Cuidar da Saúde: Sei que para algumas pessoas esse assunto é um saco (eu pensava isso alguns anos atrás, ainda bem que eu mudei). Mais é importante demais cuidar da saúde, o corpo e a alma agradecem diariamente. Portanto, beba mais água, se você tem dificuldades de lembrar, compra um copo ou garrafa bonita e carregue com você. Comer corretamente é outro ponto que não pode faltar, se puder carregar sua marmita, ler mais sobre alimentos orgânicos e alimentação no geral. E se puder também, procure estabelecer horários de cada refeição isso vai te ajudar bastante.

2. Movimente-se:  Exercitar é essencial e o seu corpo vai refletir esta mudança dentro de 2/3 meses. Faça natação, caminhada, corrida, crossfit, musculação, dança ou um outro esporte que te dê prazer. Quando identificamos o esporte que tem a ver com o nosso estilo ele acaba ficando prazeroso e não virando uma obrigação e é isso que você deve pensar – seu prazer em primeiro lugar.

3. Divirta-se mais: Os livros da Martha Medeiros sempre me ensinam: Junte grana para viajar. Viajar faz com que você cresça, aprenda e amadureça. Conhece idiomas, pessoas, comidas e cultura como num todo. Se não tiver dinheiro, vale arriscar em outras coisas como sair da rotina, fazer um programa diferente com o namorado, ir com as amigas para um barzinho, balada, festas, shows, sair simplesmente para dançar, assistir um filme, musical ou uma peça. Pequenos prazeres para deixar sua alma mais divertida e ter muitas histórias para contar.

4. Mudar Hábitos: É difícil mais não impossível. O primeiro passo é mudar a sua forma de pensar em relação as coisas. E vale para tudo estudar, se alimentar, trabalhar, fazer exercícios, relacionamentos amorosos e pessoais. A mudança tem que partir de você, se não aceitar o novo as coisas permanecerão da mesma forma. E aí, você quer isso para sempre na sua vida? ??

5. Ficar Offline mais vezes: São tantas redes sociais, informações e notícias a todo momento que a gente acaba ficando conectada 24 horas. É preocupante como nossa geração vem levando a vida, mas precisamos colocar limites na nossa postura para levar uma vida mais saudável e com menos problemas lá na frente. Portanto, estabeleça os dias que você ficará menos no computador, tablet e celular. Tente desligar 1h antes de dormir ou não acessar nada no final de semana. Atitudes como esta vão fazer com que você aproveite mais seu dia. 😉

6. Fazer algo novo: Meu foco de vida. Fazer algo que eu nunca fiz. Estudar um idioma novo, fazer ioga, escutar um estilo de música diferente, ler um livro diferente das leituras habituais, fazer novas amizades, tirar carteira de motorista, realizar um intercâmbio, visitar amigos distantes, marcar um encontro, aprender a cozinhar receitas novas, fazer um curso de fotografia, marcar aquela consulta na dermatologista entre outras coisas.

7. Cuidar da sua saúde mental: No último post do ano passado, me perguntaram o que eu fiz para melhorar minha saúde mental. Eu simplesmente me apeguei mais a fé. Respeito todas religiões, independente de sua escolha! Eu acho que precisamos de equilíbrio espiritual para levarmos a vida com mais amor e tranquilidade. Agradecer pela sua vida todos os dias vai te fazer enxergar um mundo mais bonito. ❤

8. Dar importância pra quem é importante: Principalmente para as relações tão enfraquecidas de hoje em dia, família, parentes, para amizades que não duram, pessoas interesseiras, de coisas que não permanecem na nossa vida. Dê menos importância a atitudes grosseiras, sem respeito, egoístas  e que não te levam a lugar algum. Valorize quem te dá atenção, quem pede apoio, quem manda mensagem e responde, que dá conselho, quem tá do seu lado em todos os momentos. São estas pessoas que você deve ficar!

9. Gentileza gera gentileza: Guarde menos rancor, doe mais amor, sangue, comida, roupas, diga a verdade, seja mais bondosa e gentil consigo mesma e com as pessoas a sua volta. Gosto muito dessa frase: “todo mundo enfrenta uma batalha na qual você não sabe nada a respeito”. Guarde os seus conselhos para as pessoas que você confia, aquelas que nos conhece por dentro, sabe?

10. Organize seu tempo: Seu corpo é seu tempo e isso funciona para tudo. Dormir cedo, planejar suas atividades do dia a dia, organizar sua mesa de trabalho, definir os horários de descanso, trabalho e diversão. Focar naquilo que realmente você deseja conquistar hoje e fazer durar por um tempo.

Encerro o post com um frase especialmente pra você: Proponha um desejo novo para este ano e junte forças para realizá-lo! ✨??

Seguirei as dicas acima. E você, já tem alguma dica em prática? Boa sorte!

Quem acompanha o blog viu que rolaram alguns posts sobre o meu emagrecimento aqui. Compartilhei o meu novo estilo de vida e alguns pedidos de posts surgiram ao longo do assunto. Um deles era reeducação alimentar, papel importante pra quem está querendo emagrecer ou levar uma vida saudável, o que eu acho ótimo. Cuidar do nosso corpo é importante não apenas pela estética e sim pra você ter mais disposição, organização e energia para viver. ??

large-3

Não sou formada em Nutrição, mas o meu processo foi acompanhado por uma nutricionista. Mas, quero dividir algumas dicas que fizeram parte do processo desta mudança na alimentação. E que podem ajudar a você ver a vida mais simples e não colocar tantas desculpas e dificuldades pela frente. Afinal, você quer bons resultados? Faça coisas diferentes e reclame menos!

1) Procure um profissional

Foi a primeira coisa que eu pensei quando decidi mudar. Procurei uma nutricionista e realizei alguns exames para ver como estava meu corpo. Com um profissional acompanhando sua alimentação vai ser essencial para te impedir de fazer dietas milagrosas que causam efeito sanfona e ainda vai te indicar alimentos que vão trazer benefícios.

Outra dica é importante é ler e se informar sobre alimentos industrializados, gordura, açúcar, bebidas, como são fabricados, ler embalagens e ver o valor nutricional de cada um. Aos poucos você acaba se habituando com isso e compra produtos saudáveis para comer.

large-4

2) Carregue sua marmita!

Conheço gente que morre de vergonha de carregar marmita quando sai. Eu pelo contrário, não vejo problema nenhum e sim acho ótimo porque evito comer tanta besteira que vendem na rua. Levo comida, lanchinhos, água para todo lugar que eu vou, assim tenho controle das minhas refeições. Isso é perfeito pra quem adora beliscar o tempo todo, sabe? Fora que você economiza muito e pode gastar este dinheiro com algum alimento que você precisa comer sempre ou até abrir exceção para sua sobremesa preferida! ???

Tenho que confessar que ultimamente, tenho muito cuidado por onde como na rua, fico com aquela impressão que os alimentos não são lavados como deveriam ser.

3) Fim de semana chegou: vou comer tudo!

Peraí, você passou a semana toda se dedicando e agora vai jogar tudo para o alto? Fiz isso muitas vezes nas minhas tentativas de dietas passadas e nunca funcionou e depois o efeito sanfona vinha em dobro. Não vale a pena, acreditem! Algumas dietas são muito restritas, mas conversando com seu nutricionista é possível organizar um cronograma legal para ele liberar suas guloseimas e depois voltar normalmente para sua alimentação saudável. ????

Esse conceito de “dia de lixo” pra mim não funciona mais. Tô com vontade de comer alguma coisa, faço isso. Depois volto pra minha alimentação normal. Por incrível que pareça quando você começa a ver os resultados no seu corpo, sua cabeça começa a entender a função de gula x alimentação.

large-5

4) Alimentação e motivação, devem andar juntas com você!

Quer mudar sua rotina? Carregue algumas estratégias com você para manter a motivação e a disciplina em alta. Hábito é algo que precisa ser trabalhado todos os dias, por isso, vale ler histórias de pessoas que mudaram seu estilo de vida, imagens de inspiração ajuda muito, seja de pratos, celebridades, pessoas praticando exercício. Além disso, faça bom uso de lembretes no celular, mostrando a hora em que você deve se alimentar, beber água ou faça download de aplicativos que possuem esta função.

Chegou naquele peso desejado? Porque não se recompensar com isto? Seja comprando uma roupa nova, viajando, comendo em algum restaurante. Criar metas de curto prazo, ajudam a manter o foco em dia.  ??

5) Resultados em dia? Mantenha a frequência

Faça consultas frequentes com seu nutricionista, para acompanhar seus resultados. Isto deixa qualquer pessoa mais animada e empolgada com a alimentação e todo o seu processo. Manter uma relação saudável com o profissional é fundamental para relatar dificuldades, erros e acertos da sua reeducação alimentar. Para ter sucesso, o segredo é ter as suas metas em dia e acompanhar toda evolução. ???

Se for preciso, chama todo mundo aí da sua casa para mudarem seus hábitos alimentares. Garanto que disposição e alegria não vai faltar quando você ver aqueles kilinhos chatos que te incomodavam antes e hoje não mais.

Dá pra emagrecer e manter uma alimentação em dia, sem neuras e sem culpa. É só querer e mudar!  ??

Tem alguma dica? Você cuida da sua saúde?