Que maquiagem usar na entrevista de emprego?

Na semana passada falei aqui sobre os looks que você pode usar para ir a uma entrevista de emprego. E hoje falaremos de maquiagem, afinal que make usar em uma entrevista de emprego? Procure ser o mais natural possível, prefira tons mais suaves, pele saudável com base, corretivo, blush, rímel e um gloss/batom leve para animar e colorir o rosto.

Tenha sempre em mente a ideia: E se eu fosse trabalhar hoje, qual maquiagem eu usaria? Sem exageros é a palavra chave para você decidir a maquiagem certa para você. Fuja de cores fortes e produtos que possam deixar sua pele cansada. É fundamental, escolher uma maquiagem que valorize os pontos positivos do seu rosto, para assim transparecer elegância e delicadeza.

makeemprego

Ainda bem que hoje não precisamos combinar maquiagem com roupa, assim temos mais liberdade de ousar nos tons claros, que muitas vezes passam despercebidos em nossa necessaire, não é? Na entrevista de emprego ou até mesmo para trabalhar, vale apostar em maquiagens mais alegres e naturais possíveis. Quanto ao cabelo, não é preciso exigir muito, basta usar da forma que você se sinta bem: solto, amarrado, com trança, franja para trás ou coque com fios soltos.

Eu aposto em uma pele clean, rímel e batonzinho rosado pra animar o rosto e vocês?

Casamento diurno: O que vestir?

Todo dia tem gente de casamento marcado e muitas vezes você é a convidada para ir à festa, não é mesmo? E hoje em dia, é cada vez mais frequente os casórios acontecerem em plena luz do dia, estilo a tradição britânica #achofofo e é nesta hora que a gente fica em dúvida do que usar em casamento diurno. Como nós moramos em um país com temperaturas tropicais é muito mais fácil de escolher a produção certa.

Há muitos fatores que você não pode deixar passar em branco como saber o local da festa ( campo, praia, clube, casa entre outros), o horário da festa e os trajes dos noivos e convidados. Geralmente, quem opta por casar de dia, prefere looks mais despojados e modernos, como vestidos mais curtos, sem muitos detalhes e mais simplicidade.

Sendo assim, sua escolha pode seguir no mesmo estilo da noiva. Eu sempre penso na palavra leveza para escolher o look, ou seja, peças de tecidos fluidos e nobres, como vestidos (vale usar curto ou longo) com estampas, rendados ou os marcados na cintura. Se o clima estiver friozinho na sua cidade, invista na meia-calça com blazer.

casamento

Quem não curte vestidos, pode apostar nas saias e suas diversas adaptações, as longas é uma ótima pedida com cropped e blusas mais cavadas, há também a opção de saia com shape mais marcado valorizando pernas e quadril, a saia midi com bata ou blazer colorido, a skater (minha favorita) aquela saia mais soltinha, sabe?

Agora se você não curte muito as opções anteriores, vale investir no macacão estampado e de malha fria, como os modelos de shortinho ou cumpridos. E tem os shorts que são versáteis e podem ser combinados com camisa de seda e jaquetinhas com estampas étnicas ou florais.

Quanto ao sapato, vai depender do qual look você escolheu. Eu gosto bastante dos sapatos de salto médio e grosso, como espadrille, tirinhas (fiz um post aqui), sapato boneca aqueles com laço ou tachas, scarpin em cor única é uma ótima escolha (aqui tem mais detalhes de como usar).

As sapatilhas, rasteirinhas, gladiadora e alpargatas podem ser outras opções pra você usar. E tem os acessórios que você não pode esquecer, não é? Equilibre, de acordo com a sua produção, cuidado com exageros pra não parecer uma loja de acessórios ambulantes hahaha. E quem for corajosa e não se importa com a opinião alheia, aposte no chapéu e suas lindas cores e modelos! #tôamando

Agora fica bem mais fácil de você escolher o seu look, sem culpa, sem neura! ;) Eu sou fã dos vestidinhos e saias. E vocês?

Sessão Pipoca: Intocáveis

Olá pessoal, como estão? Estou ótima tirando o fato de que estou quase derretendo em Brasília. Não está legal esse calor e seca, já pode acabar. Hoje eu to aqui para indicar um filme que eu assisti no último final de semana. Intocáveis (Intouchables, 2011) é um filme de comédia dramática francês, baseado no livro autobiográfico de Philippe Pozzo di Borgo, “Le Second Souffle”.

os intocáveis 1_

Philippe (François Cluzet) é um milionário que, após sofrer um grave acidente, fica tetraplégico. Precisando de um auxiliar de enfermagem para ajudá-lo em suas atividades rotineiras como tomar banho e comer, contrata Driss (Omar Sy), um jovem senegalês problemático, que só apareceu na entrevista de emprego para ganhar uma assinatura em seus documentos para garantir seu benefício de desempregado e que não tem nenhuma experiência em cuidar de pessoas com algum tipo de deficiência.

os intocáveis 2_

Driss de início acha estranho, mas aos poucos vai aprendendo todas as funções, apesar dos pequenos erros que comete e Philippe se aproxima cada vez mais do rapaz justamente por ele não tratá-lo como um pobre coitado em uma cadeira de rodas. Aos pouco os dois vão se tornando amigos, com Driss ajudando o chefe a conhecer uma moça com a qual ele se corresponde através de cartas há bastante tempo. Eles passam há conhecer um pouco mais sobre o mundo que cada um vive e ajudam um ao outro da melhor forma possível.

Adorei Intocáveis, já tinha um tempo que eu queria assistir e minha mãe sempre me falou muito bem sobre ele, aí nesse final de semana eu finalmente consegui e olha não me decepcionei. O filme tem a sua comédia e drama no nível certo para não cansar o público. A comédia, para algumas pessoas, pode ser ofensiva, já que exploram diversas piadas que vão de cunho político ao sexual, mas isso não quer dizer que seja uma comédia pastelão, muito pelo contrário.

os intocáveis 3_

Eu dei umas boas gargalhadas com o Driss e a seu jeito desleixado com Philippe. Sem contar que a história dos dois é muito bonita. O que tinha tudo para dar errado, já que Driss de início já rouba um pequeno artigo da casa do chefe, acaba dando certo em grandes proporções, e pelo o que fala no filme os dois ainda são grandes amigos. Vale à pena dar uma conferida no filme e assistir o nascimento e crescimento dessa amizade.

Para título de curiosidade, Intocáveis foi o filme mais visto na França em 2011, se tornando o filme francês mais rentável e todo o dinheiro arrecadado com a venda dos direitos do livro para adaptação para o cinema foi doado para uma associação que ajuda deficientes físicos.

Confira aqui o trailer!

Alguém já conhecia o filme? Espero que gostem da indicação.

Semana que vem tem mais!

Beijos

Para Assistir: Lovelace

Bom dia, pessoal! Semana tá chegando ao fim, graças! Hoje eu trouxe um filme que tem como protagonista uma das minhas atrizes favoritas, Amanda Seyfried. Primeiro: só assisti porque costumo acompanhar a filmografia dos meus artistas preferidos. Segundo: uma coisa que eu aprendi foi “nunca coloque expectativa em um filme só por causa do elenco”. E foi o que aconteceu comigo em relação a Lovelace.

Lovelace é uma cine-biografia sobre uma das atrizes pornográficas mais famosas da década de 70 nos Estados Unidos.  Em um dos momentos iniciais do filme podemos encontrar a protagonista numa banheira, solitária, enquanto uma voz narra que a mulher foi um sucesso com Garganta Profunda, um filme pornográfico que ganhou uma enorme popularidade e causou escândalo na época. Então assim a história de Linda Susan Boreman (Amanda Seyfried) começa a se desenrolar diante de nós, mostrando como sua vida mudou ao conhecer um homem chamado Chuck Traynor (Peter Sarsgaard), que a transformou em Linda Lovelace. 

lovelace

Durante o filme, cenas de nudez e violência são mostradas com frequência. Linda tenta constantemente se livrar do mundo das drogas, álcool e pornografia que Chuck lhe apresentou. Suas tentativas não são bem sucedidas, de forma que ela se vê presa às ameaças do homem que acabou por se tornar seu marido e, infelizmente, porto seguro. É uma história bastante perturbadora que, na minha opinião, poderia ter sido retratada em um roteiro melhor escrito. As atuações foram razoavelmente boas, dando um destaque maior a Amanda que demonstrou desenvoltura admirável para as cenas mais difíceis. Sharon Stone e Robert Patrick fizeram participações especiais como os pais de Linda, bem como James Franco em papel secundário.

i.0.lovelace-amanda-seyfried-peter-sarsgaard

Não é o meu estilo de filme, mas ultimamente estou aberta a desafios e livre de preconceitos. Então vai a dica para quem já ouviu falar de Linda Lovelace e quer saber um pouco mais sobre a história dessa mulher que foi um tanto quanto corajosa para a época. Fiquem com o trailer abaixo:

Já ouviram falar do filme?

Eu li: Eu, ele e a enfermeira…na luta contra anorexia

Uau que título! Foi isso que eu disse quando peguei Eu, ele e a enfermeira… na luta contra anorexia da autora Fernanda do Valle. Encontrei este livro no sebo que eu frequento para troca de livros e conversei com o dono que também é um leitor assíduo e ele me contou que esta história é emocionante.

O livro funciona como uma espécie de diário. Fernanda relata sua própria história durante o período em que ficou internada para cuidar de sua anorexia nervosa. Ela destaca pontos importantes de como ela viveu em seu processo de reabilitação na clínica, no qual ela conheceu diversas pessoas que tinham problemas muito piores do que o dela, quando é preciso procurar um profissional capacitado para cuidar da saúde, o quanto foi fundamental ter amigos, familiares e profissionais capacitados para sair bem dessa.

fernandadovalle

A autora relata sua luta contra uma doença que atinge milhares de mulheres, jovens e adultas, de forma traiçoeira e silenciosa. Fernanda passa boa parte de sua vida ignorando a doença mesmo ela mostrando sinais vermelhos pelo corpo. Ela se compromete em se ajudar sozinha comendo mais e não deixando de fazer exercícios físicos, obcecada pelo bem estar, Fernanda é uma jovem inconsciente com a busca estética e um padrão de beleza em que a sociedade cobra o tempo inteiro.

Depois que ela segue para clínica acompanhada de psicólogos, terapeuta, médicos e nutricionistas capacitados Fernanda segue as regras, mesmo odiando “comer” mais do que o necessário para sua recuperação. Até que um dia, ela sai de carro sozinha e de repente se sente muito mal e desmaia dentro do carro em uma rua movimentada. Após este episódio, Fernanda resolve levar o tratamento a sério e dar valor em sua vida.

A autora foi até o seu limite máximo, contra tudo e contra todos. Quando viu que o fim parecia ter chegado, percebeu que ainda restava uma chance para se cuidar. A autora teve anorexia nervosa em 2008 e relatou todos os seus passos e como lutou para vencer a doença. O livro termina com vários agradecimentos entre eles para o seu filho, marido e os profissionais que a acompanharam nesta jornada.

A narrativa é interessante e você consegue concluir o livro em um dia, visto que ele possui 160 páginas. Se você gosta de livros de superação, com certeza vai gostar deste livro. ;)

Vocês já leram? Gostam de histórias neste estilo?

5 protetores solares para o rosto

Quem mora em Brasília sabe que o sol já acorda na cama junto com a gente hehehe! A situação tá tensa, mas é passageira e logo vem as chuvas e depois o verão! Há opiniões diversas por aí, algumas mulheres amam a estação (eu não! Fujo do sol #soudessas). Enquanto o sol reina em nossas cabeças vale lembrar de cuidados básicos e importantes como a nossa pele facial. Quase ninguém se importa em usar protetor solar no rosto, acontece que é um item indispensável e deve ser usado sempre!

Mostrei no Instagram (segue lá @Diadebrilho) que ganhei vários protetores solares faciais da minha dermatologista para testar e resolvi compartilhar com vocês minhas impressões. Se você está a procura de um protetor solar, garanto à você que este post pode te ajudar! ;)

protetor

Cetaphil DermaControl FPS 30 – Usei e não morri de amores. Ótimo para pele oleosa, ajuda a controlar o brilho, não forma cravos e espinhas, hidrata por 24 horas e não possui perfume. Sua fórmula é bem líquida, no entanto, é fácil de espalhar e aplicar na pele. Além disso, absorve muito bem, deixando a pele uniforme e sequinha por um bom período. Valor R$ 107,86

ROC Minesol Actif Unify FPS 80 - Gostei do resultado! Garante proteção contra queimaduras solares e envelhecimento prematuro da pele (rugas e pigmentações cutâneas causadas pelo sol), fórmula oil-free com toque seco e é adequado para todos os tipos de pele. Possui textura bem leve e ótima aplicação na pele. Quando usei o protetor ele absorveu tranquilamente, deixando uniforme e sequinha. Valor R$ 75,90

Capital Soleil Vichy (Toque Seco FPS 50) - Gosto muito dos produtos da Vichy falo sempre aqui no blog. Usei o Capital Soleil (pele sensível) para sair e estava bem quente no dia. Ele possui uma textura agradável ao aplicar na pele e absorve rapidamente na pele. Gostei pelo fato de ser sequinho e tem antibrilho duradouro. O ponto negativo é o cheiro que lembra praia/piscina é extremamente enjoativo. Eu preferia que o produto fosse sem cheiro, seria muito mais agradável! Valor R$ 64,90

Eau Thermale Avène Solar Toque Seco FPS 50 - Previne contra o envelhecimento da pele provocada pela exposição solar e contém água termal de avène (ação calmante, anti-irritante e antioxidante). É recomendado para peles mistas, oleosas e acneicas. Usei e não gostei. Este protetor possui 2 fórmulas (uma com base e outra incolor) testei as duas. Possui boa aplicação. Porém, deixou com brilho e a pele ficou grudenta depois que eu tomei sol, péssimo. :( Valor R$ 84,90

5 Filtrum Ultra Seco FPS 30 - Usei e amei! Tanto pela textura, uniformidade na pele e o melhor não possui cheiro. Minha pele é oleosa e nos dias quentes o Filtrum cumpriu seu papel, deixando a pele bonita. Ele possui uma textura fina que exige um certo cuidado na hora de aplicar no rosto, porque ele é difícil de espalhar. Este fator não me incomodou, fui aplicando aos pouquinhos até deixar a pele protegida. Valor R$ 44

Outros protetores que eu já usei também foram o SunMax Acqua 30 (aqui) e Filtrum HT pele seca (aqui) e recomendo bastante!

Se você ainda não sabe qual é o seu tipo de pele, agendar uma visitinha básica na dermatologista é essencial! E nada de usar produto que não tem a ver com o seu tipo de pele, hein?

E vocês, já testaram algum? Recomendam qual protetor solar facial?